Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem preço. ..

Quanto custa o tempo,
em que deitada na rede
Eu olho e sinto o tempo.
Os pássaros  em volta,
do tronco cortado felizes,
bebendo água. ..
Formigas elegantes,
desfilando pela grama,
com seus chapeuzinho de  folhas,
borboletas coloridas brincando,
de esconde esconde por entre,
as perfumadas flores do Jardim.
As folhas do pé  de amora,
bailrem a mesma coreografia,
tocada pela brisa da tarde.
Aviao  indo e voltando,
tão  pequenos no azul do céu,
que da terra parecem brinquedos
de alguma criança.
Quanto custa o tempo ,
visto da minha rede...
A sombra da lua ,
que transparente vai surgindo,
a bela estrela que brilha,
bem perto do rastro do luar.
A primeira pálpebra  fechando,
anunciando que o sono,
está  começando a chegar,
que já  é  hora de dormir...
Quanto custa este tempo,
de viver e de sonhar!


April
Enviado por April em 01/10/2017
Reeditado em 01/10/2017
Código do texto: T6130395
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
April
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 70 anos
2691 textos (34675 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/20 01:07)
April