Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Brasília submersa

Vila Amaury, cidade ou favela,
afogada em um lago artificial,
sem luz, ofuscada no sonho
de um ideal solitário.

Morada de candangos sonhadores,
com um futuro triste nos gestos,
distante da amada que partiu
na saudade da terra deixada pra trás.

Vila Amaury, inundado por águas
do Rio Paranoá, abrigado no cansaço da arte
que destoa da realidade que ficou,
imponente no espelho de seu cumprimento.

No fundo da legalidade imposta,
sobra o choro e ruínas de um acampamento,
emperrado na ousadia futurística,
de uma Brasília submersa que não se conheceu.

Vila Amaury, composição poética de um flúmen,
navegado por Brasiliense em perfeito arranjo,
admirados por todos, abraçado
por candangos de uma ponta a outra.


TCintra

==============================================

Historia de Brasília
Para quem conhece Brasília já viu o lago Paranoá, ou mesmo quem não conhece pode ter visto por fotos; o que poucos sabem é que ali onde hoje corre água, houve um dia uma cidade com o nome de Vila Amaury. Nesta cidade moravam 16 mil pessoas; havia ali acampamentos, comércio e até um parque de diversões. Essa vila serviu de morada para os candangos que trabalharam na construção da nova capital. O lago Paranoá possui 48 mil metros quadrados e abraça Brasília de ponta a ponta.
TCintra
Enviado por TCintra em 16/07/2021
Reeditado em 16/07/2021
Código do texto: T7300785
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
TCintra
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 58 anos
522 textos (7784 leituras)
1 e-livros (28 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/21 01:47)
TCintra