Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nuncupativo

vergonha a toda oralidade
há mais calos que saliva seca
mais rabiscos de uma tinta preta
sublimando sobre a materialidade

nos prazeres dos lábios renego
conota a mão grande pintada
a sublimação é parte da fachada
que vive para alimentar o ego

as pulsões continuam esmas
a neurose não é de todo mal
não consegue ser ponto final
de uma curta história mesma

sou contraparte da fixação
sou mais, sou comparte
excremento da simbiose: a arte
deturpa a procrastinação
Rangel Paiva
Enviado por Rangel Paiva em 25/11/2019
Código do texto: T6803479
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Rangel Paiva
Mari - Paraíba - Brasil, 26 anos
111 textos (1922 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 01:10)
Rangel Paiva