Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A POESIA, A SINTAXE, O POEMA


A POESIA, A SINTAXE, O POEMA

Que palavra ouço
no vento andejo:
é da poesia,
que vê o rio
sobre a ponte;
é da sintaxe,
que corteja o vento
com um beijo;
ou é do poema,
que finda no ocaso
do horizonte?

Que palavra ouço
no alvorecer do dia:
é da poesia,
que flui no sorriso
da flor;
é da sintaxe,
que se alenta
na hora tardia;
ou é do poema,
que fala somente
de amor?

Que palavra ouço
no silêncio
do anoitecer:
é da poesia,
que já dorme
em alguma
senda deserta;
é da sintaxe,
que esboça os versos
com prazer;
ou é do poema,
que se encanta
com a noite desperta?

Ouço enfim,
qualquer palavra,
que me motive
a escrever
a arte poética,
como um simples
artesão;
a poesia, a sintaxe,
o poema,
se unem
como quem vive
após a morte,
a alma poética,
em eterna inspiração.

Escritor Adilson Fontoura
Adilson Fontoura
Enviado por Adilson Fontoura em 19/08/2019
Código do texto: T6724337
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Adilson Fontoura
Itabuna - Bahia - Brasil
671 textos (9399 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/19 21:03)
Adilson Fontoura