Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cenário Colossal

                             O sol áureo esmaecia
                           Aquele dia no céu sumia
                                  Agonizando
                        Banhava-me de luz crepuscular
                     Contemplando a tarde serena findar,
                             Sempre vislumbrando.
                 
                             De uma esfera distante
                           Desponta a noite vibrante
                                    Descendo,            
                        Em manto de estrelas a faiscar
                   Cujo êxtase crucial, é ao poeta inspirar,
                                 Versos tecendo.
                   
                         Um soluçante sopro noturno
                       O viajante é o pássaro taciturno
                                Num épico bailar
                        E o romper do orvalho prematuro,
                           Chispa que reluz no escuro
                              Nas flores a umectar.

                         As horas correm sem deslizes
                      Trazendo a madrugada em matizes
                                 Cenário colossal,
                        Na mente um pensamento mudo
                      Transpondo em poesia um conteúdo,
                                    Celestial.  
Verdana Verdannis
Enviado por Verdana Verdannis em 16/08/2019
Reeditado em 17/08/2019
Código do texto: T6722033
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verdana Verdannis
Fortaleza - Ceará - Brasil
322 textos (26073 leituras)
46 áudios (2330 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/09/19 17:57)
Verdana Verdannis