Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Caminhada na Marechal

Na caminhada à beira rio
Há prazer na liberdade
A brisa toca na alma
Tranquiliza a ansiedade
E torna a vida mais calma

Na caminhada à beira rio
Vejo uma  linda mulata
Observo a sua beleza
Sem nenhum desvio ou tara
Enxergo beleza no belo
Com a alma purificada

Na caminhada à beira rio
Vejo criança e idoso
Vejo ciclistas e corredores
Felinos brincam no parque
E sinto o cheiro das flores

Na caminhada à beira rio
Passo por Iemanjá
Ou será uma santa d'água?
Depende do seu olhar
Cada qual com o seu credo
Eu não vou lá pra rezar

Na caminhada à beira rio
Viajo para o futuro
Faço projeto de vida
E traço mentalizando
Um caminho mais seguro

Na caminhada à beira rio
Ativamos a memória
Frente às casas das leis
De tarde, já sem a escória
As paredes de concreto
Escondem-nos triste história

Na caminhada à  beira rio
Árvores seguem seu passo
Dos fósseis ao angico branco
Vivemos em descompasso
Pois na busca do progresso
Só plantamos mais asfalto

Da caminhada à beira rio
A camisa volta suada
A consciência tranquila
E a mente volta curada
Nas reflexões profundas
Sinto a minh'alma lavada.
PG Alencar
Enviado por PG Alencar em 13/08/2019
Código do texto: T6719548
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
PG Alencar
Teresina - Piauí - Brasil, 47 anos
129 textos (7881 leituras)
1 áudios (161 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/09/19 19:36)
PG Alencar