Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O sonho quebrado
 
O tempo segue na graça
Onde meu olhar flutuava
Pela lente da solidão em graus
Aprendo no silêncio a olhar a colina
Que a vida embala no canto 
 
Deixando uma nesga no tempo
Para alinhar o diálogo com a solidão
Vi o sonho quebrado em curvas
Uso a oração para ter harmonia
E vibrar nas intenções da vida
 
No murmúrio do beijo que revela
O encanto do dia que vibra no eco
E segue na lógica da luz
Para cobrir parte da esperança
Que pulsava com o vento da chuva
 
Na planície surge levemente
Os olhos invisíveis em lágrimas
Ensina-me a namorar palavras
E finjo em parte o medo que passa
Cobrindo os meus atos contra a ferrugem
 
Apago tudo que invade o meu espaço
E consagro em horas um novo sonho
Onde o canto arqueia na noite
Um corpo sobre minhas veias
E a imagem estendida anula a razão
 
Que anuncia na sobra o tempo corrido
E abre uma chaga nos lábios da fenda
Até adentrar no caminho da alma
Que sem sentido adormece
E acaba desfigurando o sonho



30/03/18 15:45 - Jacó Filho
Obrigada, meu mestre Jacó Filho.

Da luz divina sou parte,
Se minh'alma o bem, molda.
Fazendo da vida, arte,
E nas mãos de Deus se solta... 
Parabéns! E que Deus nos abençoe e
nos ilumine... Sempre...




Creative Commons License
 
Gernaide Cezar
Enviado por Gernaide Cezar em 13/03/2018
Reeditado em 30/03/2018
Código do texto: T6278355
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Gernaide Cezar
Salvador - Bahia - Brasil
344 textos (20935 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/05/21 19:22)
Gernaide Cezar

Site do Escritor