Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O vazio não é vago
 
No vazio existe pouco espaço
Com a meditação da prece vem o tempo
Que assume as dores do dia
Na ilusão que ressuscita a lógica
Para vibrar com as intenções da vida
 
Na parte vaga do vazio
Habita o mistério que sublima
Na vivência do rumo que ressurge
E enche o espaço que sempre vibra
No altivo ninho que promete abrigo
 
Pense no vazio através da arte
Encontre a beleza do espaço vago
E preencha com traços que formam
Na esperança clara os olhos da vida
E brota no fundo uma vibração sonora
 
A imaginação sopra a favor
Sinta no vazio o encanto da inspiração
Transforme os sonhos em pétalas de luz
Tempo vago é o tempo que pulsa
Na letra mais antiga escrita no porto
 
E na pedra deita o suor da água que cai
É tempo de pensar fazer e recomeçar
O silêncio traz a harmonia em luz
O inexplicável surge na sombra azul
Lá o vazio é grande e não existe o vago


 
Gernaide Cezar
Enviado por Gernaide Cezar em 28/02/2018
Reeditado em 24/12/2018
Código do texto: T6266862
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Gernaide Cezar
Salvador - Bahia - Brasil
344 textos (20935 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/05/21 19:13)
Gernaide Cezar

Site do Escritor