Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 
Como a esperança
 

O passado faz o tamanho da vida
Para seguir o caminho em escalas
Entre a claridade da chama e a sombra
O tempo entra na margem à toa
No escuro surge a esperança
 
Caída do abismo
Na sincronia em frente ao tempo
O óbvio existe como a tradução do nada
Uma voz ecoa no alto da pauta
Perfumando a claridade do acaso
 
Na margem apagada de um sonho desnudo
A esperança relega o desenho que decalca a vida
Sempre forjando um desvio para escoar na luz
Uma voz surge na fragrância lida
O tempo resgata os primeiros prantos
 
Através do cansaço doloroso da rosa
Marcada em pétalas como a esperança
Quando chega bem perto dos olhos
Deixando viva a sua face molhada
No dia claro da idade em flor
 
A vida fratura o silêncio
Que vagueia em absoluta escuridão
No propósito da esperança é quase tudo
Com passos breves e harmoniosos
E a esperança vem com a sombra da luz



 
Gernaide Cezar
Enviado por Gernaide Cezar em 13/01/2018
Reeditado em 13/01/2018
Código do texto: T6225085
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Gernaide Cezar
Salvador - Bahia - Brasil
337 textos (20542 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/08/20 17:47)
Gernaide Cezar

Site do Escritor