Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não me calo

Não me calo
 maria da graça almeida


Mesmo indiscreta eu falo,
diante da deseducação não me calo:
 Se entraram em férias?...
Não, não, de vez se aposentaram ...
 
Civilidade,Delicadeza,
Cordialidade,Simpatia
por onde as senhorinhas
andam hoje em dia?
 
Talvez consideraram-se um desserviço,
talvez optaram pelo sumiço,
talvez entediadas se mudaram,
talvez morreram por falta de exercício,
talvez  se encontram em estado vegetativo
num arcaico livro de etiqueta,
talvez  exterminadas das velhas receitas
de convivência social,
 talvez  encarceradas num  antigo diário
de registro pessoal,
talvez relegados à poeira de um sótão abandonado ,
ou na escuridão de um velho porão...
 
Mesmo indiscreta eu falo,
diante da deseducação não me calo:
 Se entraram em férias?...
Não, não,  de vez se aposentaram ...

maria da graça almeida
Enviado por maria da graça almeida em 22/07/2012
Código do texto: T3790916
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
maria da graça almeida
São Paulo - São Paulo - Brasil
249 textos (17518 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/11/19 16:18)
maria da graça almeida