Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ORVALHO

                                       ORVALHO

                     O brilho que ofuscou...
                        Não foi um brilho qualquer
             Não foi a luz que ilumina o olhar de quem se quer
             Não foi o brilho metálico que a cobiça seduz
             Não foi o brilho esquálido que um sorriso reduz
             Não foi o fulgor do brilho do ardente raio de sol
             Nem foi o brilho frio de um luar sobre nós
             Nem o brilho da arma, ameaça do algoz

                Foi um brilho que de leve piscava
                             Que quando em vez, se escondia
              Um brilho, quase moleque, encharcado de alegria
                            Um brilho de diamante
                            Um brilho cheio de cor
                                           Generoso escorregou:
                                        -parte umedeceu-me a canção
                                        - parte banhou uma flor!
dacosta
Enviado por dacosta em 08/05/2011
Reeditado em 08/05/2011
Código do texto: T2956210

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
dacosta
Nova Mutum - Mato Grosso - Brasil
218 textos (13787 leituras)
197 áudios (40463 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/05/21 19:19)