Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sereia

Como negar que em teu corpo
Há um mistério marítimo,
Convite a mergulhar-te toda
no profundo do teu íntimo?

Como negar que em teu instinto
de moça praiana em chamas
o mais idílico dos seres
abre as janelas em savana?

Como não juntar ao insano
o quê de teu estigma
onde, a inflamar-se o homem,
faz de teu corpo brasa e cinza?

E como incendiar-se ainda
estando o desejo queimando,
escrever todas as poesias
com ta tinta de oceano?

Como descobrir o humano
no teu universo íntimo
onde, a mergulhar, a sereia
cante a canção do infinito

a fome e gume de Posídon?
Tiago da Silva
Enviado por Tiago da Silva em 07/12/2010
Código do texto: T2658624
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Tiago da Silva
Afogados da Ingazeira - Pernambuco - Brasil, 29 anos
470 textos (13464 leituras)
3 áudios (305 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/08/20 13:06)
Tiago da Silva