Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tempo

Tempo
 maria da graça almeida

Abomino fotografias,                                                              documentos inquestionáveis
da devastação peculiar do homem,
pela força do callendário.
Certa jovem, do retrato, intrigada me espia.
Ora idosa,  sob pele curtida,
derrama passado e nostalgia.
Fito rostos e corpos, comparo
 e percebo que do ontem pouco restou.

Se por um lado o tempo traz a minoração das dores,
 por outro, submete-nos à engenhosa metamorfose.
 Estranha ação. Intenso poder!

Tempo, tempo -amigo e inimigo para sempre-
se ao menos nos emprestasse o melhor das horas,
se eternizasse os dias
ou se não nos tatuasse seus momentos,
por certo nos livraria do cruel exercício
do envelhecimento.

Maria da Graça Almeida
 
maria da graça almeida
Enviado por maria da graça almeida em 28/06/2010
Reeditado em 26/05/2012
Código do texto: T2347075
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
maria da graça almeida
São Paulo - São Paulo - Brasil
249 textos (17654 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/19 19:32)
maria da graça almeida