Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Por ser assim...

.:.
Por ser assim...

Poesia é encontro, toque.
Não é lamento,
mas um estar dentro,
sem limitações.

Poesia é força, torque.
Não é postergação,
mas um sentir-se presente,
sem indecisões.

Poesia é densidade,
não é contorno apenas;
é síntese peculiar
de universal desejo.

Rapte-me que me adapto;
perco a inépcia e me torno apto
a captar todas as suas
taquicardias
– Que nossos corações batam
em nossos corpos, desejo.

Paisagens não são devaneios dos sentidos.
São reflexos de desejos e de sonhos.
Não penetro carne ardente e viva, apenas!
Cravo-me no grito da tua alma
que se desconstrói e me edifica,
úmida,
quando o meu corpo rompe
o vazio dos átomos
que nos constituem.
Quero instalar-me
no aconchegante abrigo
da tua intimidade.
Haverá trocas, sei...
De gentilezas inócuas,
de experiências inenarráveis!
Entretanto, arrancarei de ti
as lágrimas d’alma,
na singularidade do coito universal.

Nijair Araújo Pinto
Iguatu-CE, 10 de maio de 2018.
23h11min
.:.
Nijair Araújo Pinto
Enviado por Nijair Araújo Pinto em 10/05/2018
Reeditado em 11/05/2018
Código do texto: T6333072
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Nijair Araújo Pinto
Crato - Ceará - Brasil, 48 anos
2469 textos (82096 leituras)
91 áudios (1985 audições)
3 e-livros (575 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/01/20 07:30)
Nijair Araújo Pinto