Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MINUANO (poesia gaúchesca)


MINUANO

Lagrimas de chumbo,
Pelos céus do pampa;
De mansito chega,
A manhã criança.

Finda a madrugada,
Mais um dia vem;
Traz a esperança,
No beijar do vento

É longo o momento,
No amarelar dos campos;
Minuano canta,
Repontando nuvens.

Chega de repente,
A quebrar geadas;
Traz o beijo argente,
De tantas estrelas.

Ouço em seus acordes,
Essa voz do pampa;
Vou cevar meu mate,
Ao lado da chinoca.
                               
*J.L.BORGES



Jorge Luis Borges
Enviado por Jorge Luis Borges em 31/03/2019
Código do texto: T6611936
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Luis Borges
Guaíba - Rio Grande do Sul - Brasil
272 textos (1755 leituras)
4 e-livros (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/19 05:16)
Jorge Luis Borges