Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Recife-se

Na cidade do Recife
Açúcar, mar, azul, verde
O que dantes era capitania hereditária
No governo Duarte Coelho
Que de outrora Portugal veio.

Os milhões de habitantes
Nesse brasílico Nordeste
Inspiram longos versos
E rimas do Sudeste.

O Deus Católico
Conta história da antiga colônia
Que próspera é no engenho
Carnaval, bonecos grandes
Folias, cores: alegrias que tenho.

Terra de Dom Helder Câmara
Profetas dos pobres;

Terra dos romances de José Lins do Rego
O poeta dos meninos;
Terra de Gilberto Freyre
Da Casa Grande e Senzala;
Terra onde morou Clarice
Escritora de elegias tristes.

Na praia de boa viagem
Os tubarões ferozes
Trazem sua majestade.
(Natureza)
Plácida, perigosa: cheia de grandeza.

A bela Veneza
Que Nassau invadiu
Procurando ouro branco
Para fazer fortuna, no que seria o Brasil.

Os sotaques belos
Dos seus filhos nessa terra
Gritam um "oxê" para vida
E nos cordéis, cantam sua memória
Que não deixam, a beleza ir embora.

Recife: 12/01/2019.








 
gbbenfica
Enviado por gbbenfica em 12/01/2019
Reeditado em 04/02/2019
Código do texto: T6549539
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
gbbenfica
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 30 anos
92 textos (1652 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/19 03:37)
gbbenfica