Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AO LUSO HERÓI

“À memória de Dom João IV”

Deus manda, toda a alma sente, a mente pensa
O Destino fez que o horizonte fosse um só,
Que todo o Cosmos se tornasse uma aura imensa.
Coroou--te, e descobriste que eras mais que pó.

E a margem firme abriu-se larga e poderosa,
Desmembrou-se pairando até ao fim da terra,
E revelou-se de lés-a-lés, por majestosa,
Tornar-se, de aventura, no ideal que encerra.

Quem te ungiu plenamente fez-te nacional.
Por Duque, e todos por ti, tornou-se medonho.
Cumpriu-se o Reino, que o degredo fora brutal.
Ó Majestade urge, porém, cumprir-se o Sonho.

Abriu-se a alma da Nação e, sem mistério,
Restauraste com uma energia criadora
A indómita vontade de um radioso Império.
Tu, Rei da Lusa Pátria, diz-nos: está na Hora!


Frassino Machado
In RODA-VIVA POESIA
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 30/11/2018
Reeditado em 30/11/2018
Código do texto: T6515875
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FRASSINO MACHADO
Odivelas - Lisboa - Portugal
2197 textos (53170 leituras)
20 áudios (1028 audições)
2 e-livros (27 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/19 21:42)
FRASSINO MACHADO

Site do Escritor