Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TALVEZ, QUEM SABE, ALGUM DIA...

          DEMOCRACIA... ONDE ?!
Alguém consciente consegue crer que este país é mesmo Democracia ? Com impostos de 30, 40 ou até 60% sobre produtos e mercadorias, imposições de todo tipo, caprichos governamentais que anulam nossos documentos ou retiram direitos legítimos do povo a bel prazer de Ministérios e autarquias, com achatamento do salário mínimo enquanto barnabés e togados se aumentam quando querem, além da eterna "orgia"  dos políticos todos, com a população vivendo sempre em apertos ?!
Isso é Democracia ?! E a OBRIGAÇÃO de se ir votar, com candidatos ineptos e despreparados, alguns com processos e condenações, sem que nada disso seja problema ?! Não há exigências, não há testes nem seleção aos que pretendem governar um Estado, dirigir a Nação ?! "Que país é este, Francelino"? Democracia... é isso ?!
(NATOAZEVEDO - 16/set. 2018)
******************

      TALVEZ, QUEM SABE, ALGUM DIA...
        I
 Desde os tempos dos avós
-- que labutavam demais --
e até dos tataravós
que antecedem nossos pais
que escravos em agonia
ou povo sem alegrias
com liberdade sonhavam,
num Futuro acreditavam:
-- "Talvez, quem sabe, algum dia
veremos Democracia" !

      I I
Dos tempos dos "coronéis"
-- ou mesmo nos 2 Impérios --
de mandatários cruéis
a "lotar" os cemitérios
restou ao povo a porfia
e, em lutas sem garantia,
tentou a independência
só contido com violência.
-- "Talvez, quem sabe, algum dia
teremos Democracia" !

    I I I
Na época de Getúlio
-- ditadura "exemplar" --
desafeto era "entulho"...
com ordem pra "silenciar" !
Em tempos de anomalia
o pior mesmo viria
pelas mãos dos militares.
"Respirando" novos ares
o Brasil todo exigia:
-- "Queremos Democracia" !

     I V
O país que finge ter
livre povo e Sociedade
não consegue nem manter
TODOS em pé de igualdade !
Com futebol e folia
"encobre" vis regalias
de uns poucos, enquanto a fome
a meia Nação consome.
Talvez, quem sabe, algum dia
seremos Democracia !

     V
Talvez, quem sabe, algum dia
novo tempo há de brilhar !
Talvez, quem sabe, algum dia
LIBERDADE há de raiar
e seremos multidões
caminhando -- entre as Nações --
sem nada de hipocrisia,
com renovada alegria
e real DEMOCRACIA...
Talvez, quem sabe, algum dia !
      "NATO" AZEVEDO
      (15/set. 2018, 22h)
OBS: aceita-se parceria para a
melodia, à minha escolha !
NATO AZEVEDO
Enviado por NATO AZEVEDO em 18/09/2018
Código do texto: T6452587
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
NATO AZEVEDO
Ananindeua - Pará - Brasil, 66 anos
818 textos (12479 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/19 10:45)
NATO AZEVEDO