Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TALVEZ, QUEM SABE, ALGUM DIA...

          DEMOCRACIA... ONDE ?!
Alguém consciente consegue crer que este país é mesmo Democracia ? Com impostos de 30, 40 ou até 60% sobre produtos e mercadorias, imposições de todo tipo, caprichos governamentais que anulam nossos documentos ou retiram direitos legítimos do povo a bel prazer de Ministérios e autarquias, com achatamento do salário mínimo enquanto barnabés e togados se aumentam quando querem, além da eterna "orgia"  dos políticos todos, com a população vivendo sempre em apertos ?!
Isso é Democracia ?! E a OBRIGAÇÃO de se ir votar, com candidatos ineptos e despreparados, alguns com processos e condenações, sem que nada disso seja problema ?! Não há exigências, não há testes nem seleção aos que pretendem governar um Estado, dirigir a Nação ?! "Que país é este, Francelino"? Democracia... é isso ?!
(NATOAZEVEDO - 16/set. 2018)
******************

      TALVEZ, QUEM SABE, ALGUM DIA...
        I
 Desde os tempos dos avós
-- que labutavam demais --
e até dos tataravós
que antecedem nossos pais
que escravos em agonia
ou povo sem alegrias
com liberdade sonhavam,
num Futuro acreditavam:
-- "Talvez, quem sabe, algum dia
veremos Democracia" !

      I I
Dos tempos dos "coronéis"
-- ou mesmo nos 2 Impérios --
de mandatários cruéis
a "lotar" os cemitérios
restou ao povo a porfia
e, em lutas sem garantia,
tentou a independência
só contido com violência.
-- "Talvez, quem sabe, algum dia
teremos Democracia" !

    I I I
Na época de Getúlio
-- ditadura "exemplar" --
desafeto era "entulho"...
com ordem pra "silenciar" !
Em tempos de anomalia
o pior mesmo viria
pelas mãos dos militares.
"Respirando" novos ares
o Brasil todo exigia:
-- "Queremos Democracia" !

     I V
O país que finge ter
livre povo e Sociedade
não consegue nem manter
TODOS em pé de igualdade !
Com futebol e folia
"encobre" vis regalias
de uns poucos, enquanto a fome
a meia Nação consome.
Talvez, quem sabe, algum dia
seremos Democracia !

     V
Talvez, quem sabe, algum dia
novo tempo há de brilhar !
Talvez, quem sabe, algum dia
LIBERDADE há de raiar
e seremos multidões
caminhando -- entre as Nações --
sem nada de hipocrisia,
com renovada alegria
e real DEMOCRACIA...
Talvez, quem sabe, algum dia !
      "NATO" AZEVEDO
      (15/set. 2018, 22h)
OBS: aceita-se parceria para a
melodia, à minha escolha !
NATO AZEVEDO
Enviado por NATO AZEVEDO em 18/09/2018
Código do texto: T6452587
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
NATO AZEVEDO
Ananindeua - Pará - Brasil, 67 anos
974 textos (18289 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/07/20 17:57)
NATO AZEVEDO