Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Clamor

A fila já vira a esquina
Já, já circula o quarteirão
Muitos desde bem antes da matina
Com seus documentos na mão
Enquanto os que estão lá em cima
Esbravejam, "crise não vejo não".

Mas crise? Como assim?
Desconversam nossos representantes
Até que o mandato chegue ao fim

E quando chega, o povo vê
Vê... vê sim
Mas por um breve curto espaço de tempo
Aqueles que NÓS colocamos no poder
Sobe ao palanque e a multidão vem dizer
Que vai lutar por mim e por você

E o povo ingênuo, de novo iludido
Por um impolítico, um bandido

E como a água que sobe ao céu
Caí como chuva, suave véu
Depois adentra o seio da terra
E jorra da nascente poluída
Seu ciclo eterno, nada o emperra
Será assim, a nossa vida

Até que ao menos, nos declaremos
As margens de um Ipiranga qualquer
Que aqui viemos, homem e mulher
O que desta vez é fato
"Não é mais apenas por quarenta centavos"
Stayler Lima
Enviado por Stayler Lima em 21/07/2018
Código do texto: T6396135
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Stayler Lima
Lagoa Santa - Minas Gerais - Brasil, 22 anos
20 textos (154 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/11/19 16:36)
Stayler Lima