Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tardes douradas

O dourado do sol, pincelou os prédios
Se fundiram ao céu calmo, alaranjado
Na quietude quase perfeita, o remédio
Para os pensamentos  tão acelerados

Há vozes  de crianças, e infantis risos
Em brincadeiras  que o  tempo acolhe
Que essa página da vida não desfolhe
Mantenha instantes preciosos, avisos

Para quando mundo querer distanciar
As almas irmãs não sejam separadas
E ao aquarelarem as  tardes douradas
Imagens ternas voltem a se reconciliar.
Meri Viero
Enviado por Meri Viero em 18/04/2019
Código do texto: T6626743
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Meri Viero
Guarapuava - Paraná - Brasil, 49 anos
1464 textos (46261 leituras)
4 áudios (236 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/20 13:11)
Meri Viero