Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Confusão

Tiro, sirene, um barulhão
Foi no morro, Alice?
-Não sei não!

Disseram no dia seguinte
Que foi na casa do doutor
E não é que houve gente
Que julgava ao invés de supor?

Se tem confusão: - É o pobre!
O rico não faz um alarde!
Problema? Não o tem homem nobre
Não existe rico covarde?

A tristeza correu a cidade
Virou notícia de televisão
Dessa vez não foi na favela
Foi o filho do nosso patrão

Tiro, silêncio, rabecão
Foi tão moço, Alice...
-Tem razão!

Cláudia Machado

Nota: esse poema foi musicado e ampliado numa parceria com Germano Ribeiro.


Cláudia Machado
Enviado por Cláudia Machado em 18/09/2018
Reeditado em 26/12/2018
Código do texto: T6451991
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cláudia Machado
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
724 textos (20472 leituras)
59 áudios (2737 audições)
1 e-livros (22 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/19 17:11)
Cláudia Machado