Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Casa das Marianas

Na casa das Marianas,
Quando um copo se quebra,
não há som.
Quando uma porta se fecha,
não há falta, não há saudades.
Quando uma porta se abre,
não há alívio.
Quando metal incandesce,
não há pele.
Quando se come,
não há algo além de saudades.
Na casa das Marianas,
A luz não chega,
A onda não quebra,
O grito não corre.
Na casa das Marianas,
O passado é forma sem cor,
O futuro cor sem forma.
Na casa das Marianas,
Nada pode se quebrar,
Nada pode se cansar,
Nada pode se querer.
Na casa das Marianas,
Se tem ruído,
Se tem ruído.
Se quebra e não se levanta.
Na casa das Marianas,
Não se abraça,
Não se esquenta.
Se esquece de esquecer,
E deita, e morre e sente.
Sente falta.
Crispim Brancatti
Enviado por Crispim Brancatti em 11/09/2019
Código do texto: T6742557
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Crispim Brancatti
Piracicaba - São Paulo - Brasil, 17 anos
1 textos (25 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/19 23:31)