Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Armas?

Tu que chegas tão arrogante
Ao trono dos governantes
A prometer armas bastantes
Nas mãos dos cidadãos ignorantes

Não tem a noção do perigo
Que é a reação do inimigo
Ao perceber que a arma contigo
É o troféu do bandido

E o tiro sairá pela culatra
Em direção a testa do magnata
Que quando algo o desacata
Saca e cavaco cata

É a catástrofe da sociedade
Um sujeito sem propriedade
Adquirir uma arma por vaidade
Sem saber usá-la de verdade

E quantos irão padecer
Nessa guerra do mais ter
Cerca de um ser
Ou de todo o volver

A tropa a cair devagar
A procurar o maná
Será o símbolo do azar
Na crendice popular

Mas no credo dos alheados
Tudo está destinado
A morte dos condenados
E a soberba dos mais dotados
Ed Ramos
Enviado por Ed Ramos em 16/01/2019
Código do texto: T6552721
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Ed Ramos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 61 anos
550 textos (6886 leituras)
23 áudios (1628 audições)
6 e-livros (1079 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/20 22:32)
Ed Ramos