Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

...da noite

A madrugada  fria  acordou a casa
Enquanto  no  quarto  o ser dormia
Vento pareceu  trazer som de asas
E sobre o telhado um gato que mia

Os galhos secos das árvores riscam
As paredes frias, são leves ranhuras
Na escuridão, olhos não se arriscam
Procurar por  sombras e rachaduras

Horas se arrastam sem as correntes
Sem chinelos, insistem  em  acordar
E embalado  por sonhos recorrentes
Ser dorme, indiferente ao resmungar...

Meri Viero
Enviado por Meri Viero em 20/01/2020
Código do texto: T6846524
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Meri Viero
Guarapuava - Paraná - Brasil, 49 anos
1525 textos (48191 leituras)
5 áudios (313 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/04/21 20:36)
Meri Viero