Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

IMPERMANÊNCIA

Não estar

Sentir,

não é ter

Não é ser dono de alguém

É esperar

que o tempo não passe

Quando passas por mim

É como se a lua chorasse

Por mais um dia ter fim.

É sofrer,

e sorrir sem vontade

É não esquecer,

Não ter pudor,

nem vaidade.

É gostar dos teus defeitos

É esquecer preconceitos

Venerar atitudes

É não te esquecer

Mesmo quando não sei, que o quero.

E não perceber

Que é por ti,

amanhã que espero.

É dizer não,

entoar o sim

É sentir a sedução do beijo,

quando estás

Perto ou longe de mim

Luamor



"Muitos livros são como uma chave de aposentos desconhecidos no castelo do próprio eu."

Fransz Kafka

 
Luamor
Enviado por Luamor em 22/03/2017
Reeditado em 26/03/2017
Código do texto: T5949010
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luamor
São Paulo - São Paulo - Brasil
1060 textos (80349 leituras)
17 áudios (878 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 09:38)
Luamor