Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vivo a viver no que a vida vive.

Gostaria de ter
O poder de gostar
Crer no que quero
Relacionar o sentido
Vivo a viver no que a vida vive
Buscar um traço de invenção
É colar uma identidade na parede

Eu queria ter um dia
O que um dia eu tive sem querer
Dizer sempre dizendo
Remoendo o entardecer

Ficar feliz paranoiado
Até para quem vive rindo abestado
Sem dar um preço a intenção de ter
Não se vê o que se pode querer
Quando sempre me resta o nada pra >
Numa busca buscando pelo buscar     fazer.....
Faço o que eu faria se eu tizesse algo pra <

Á alma é barata
Enviado por Á alma é barata em 10/10/2010
Código do texto: T2549457

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Á alma é barata
Suzano - São Paulo - Brasil, 33 anos
162 textos (4867 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/19 10:14)
Á alma é barata