Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dolorosas pulsações

Dolorosas pulsações
Nessa fria jornada
De uma existência débil e sofrida
Usurpado me foi o sol
E restou me apenas a escuridão
Não há dias
Apenas noite
Em que o sangue de minha alma jorra
Grita em mim algo feito um cão moribundo
Me sinto tão pequenino
Rastejando pelas sombras da morte, procurando por luz
Pede para o seu Deus me salvar
Pois que já não tem fé
Nem em nada consigo acreditar
São dolorosas essas pulsações
Há muito de morto em mim
O que ainda pulsa em minha alma moribunda é apenas a dor
E eu me dinto tão pequenino
Caído no chão frio
Rastejando desesperando procurando por luz
Pede a seu Deus para me salvar
Por que eu já não consigo em mais nada acreditar
E em mim nada mais pulsa além de sombras e dor.
Marcos Welber
Enviado por Marcos Welber em 22/08/2019
Código do texto: T6726129
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Welber
Cássia - Minas Gerais - Brasil, 39 anos
1089 textos (94634 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/19 03:31)
Marcos Welber