Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Você desperta a tragédia em mim

Se eu fosse a mesma romântica
 me arriscaria na ruas tijucanas
Pra ter a chance de em um relance
Poder te ver sem que me vejas.
E não haveria perigo ou tropeço
Que me impediria de tentar vê-lo.
Mas eu não sou a mesma,
E você não é o mesmo
E eu desconheço dos teus trejeitos
E agora é o jeito,
Como as coisas são.
Não vagarei por um momento
Que virá sem prontidão.
Pois eu já fui tal caminhante
E te clamava em cada canção...
Mas agora tento ser pensante
E caminhar na contra-mão.
Nossas vidas tangenciaram
Mas o amor não é destinado
não foi isso que o filósofo disse
'O destino deve ser amado'
mesmo que o nosso tenha sido triste.



Fernanda Chagas
Enviado por Fernanda Chagas em 19/09/2019
Código do texto: T6748395
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Fernanda Chagas
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 17 anos
19 textos (297 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/07/20 07:22)
Fernanda Chagas