Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


O teu amor a tua paixão
 

Ao regressar para passado
Para emoções que do teu lado vivi
Do que mais tenho me lembrado
É a falta que faz para mim
 
Aquele teu jeito  enamorado
Feito um beija-flor pelos jardins
Não foi por mim valorizado
Pois eu te abandonei enfim
 
A paixão que tu me deste
Que guardo em meu coração
Tornou-se cabra da peste
Sombria e negra desilusão
 
Seja outono, ou inverno
Primavera até mesmo verão
É sempre um triste engano
Na minha vida desolação
 
Sou um poeta, que vive
A recordar do teu amor
E nos lugares que contigo estive
Diante da lua vivo a compor
 
Do encanto da beleza
Que foi um dia em minha vida
Hoje, eu choro com certeza
Sou refém das recaídas
 
Deixei de ser o teu Romeu
Para ser torna tua decepção
Sei que o erro foi só meu
Vivo a mercê da solidão
 
Cada dia mais desiludido
Esperando pelo teu perdão
Sofro por não ter compreendido
O teu amor a tua paixão
 

Valdomiro Da Costa 27/04/2018
 


Interação
 
Quando a gente se ver,
Volta tudo novamente.
Eu não quero te perder,
Nosso amor é pra sempre...

 
Jacó Filho 22/09/2019

 
SEMPREPOETA
Enviado por SEMPREPOETA em 14/09/2019
Reeditado em 22/09/2019
Código do texto: T6744780
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
SEMPREPOETA
Sumaré - São Paulo - Brasil
1178 textos (82069 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/19 13:40)
SEMPREPOETA