Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Monstruosa ansiedade

Em meio a madrugada o desespero bate na porta,
Invade minha alma e me consome por dentro,
A ansiedade me corta,
Me deixa em pedaços pequenos que voam ao vento,
Tudo isso me deixa ao relento,
Imaginando quando chegará ao fim este maldito momento.

A ansiedade é o maior monstro que tenho medo de enfrentar,
Como em uma floresta escura ela vem para me amedrontar,
Jogando na minha cara tudo aquilo que eu só queria parar de lembrar.

Queria apenas jogar no poço do esquecimento tudo isso,
Apenas deletar essas lembranças,
Que tanto me causam dor e pânico,
Só penso em me isolar e dar um sumiço.

Em uma nuvem obscura revivo meu passado em que eu era feliz,
A felicidade tão pouco dura e se esvai por um triz,
Nos apegamos a ela e quando vai embora sentimos falta,
Você foi embora e apenas deixou uma cicatriz.
Davi Pimentel
Enviado por Davi Pimentel em 30/09/2019
Código do texto: T6757274
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Davi Pimentel
Paulista - Pernambuco - Brasil, 17 anos
21 textos (419 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/19 04:13)