Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A humanidade difícil especie

Nesses últimos dias o clima esteve frio
A tampa do freezer da natureza abriu.
Uma excelente chuva logo apareceu
E sol não é tolo entre nuvens sucumbiu.
Constelação de Órion e outras estrelas
Meros enfeites do universo ninguém viu.

Punhado de nuvens no céu não tinha.
Frio intenso o povo reclamando.
Se está calor alguém resmunga
Vi tanta gente quase chorando.
Temperatura entre 12 e 16 graus
Alguns bem agasalhados lamentando.

É dificílimo  agradar o ser humano
ou até mesmo com ele conviver.
Se o clima ou tempo está quente
Implora pedindo para chover.
Se a natureza atende o pedido
Rápido pede para o sol aparecer.

Tanta reclamação a toa e ganancia
Somos a pior especie da terra.
Tanta coisa boa a disposição
Mulher de barriga cheia berra.
Homem trabalhando reclama
No planeta humano é a pior ferra.

Assim caminha a humanidade
não fácil de ser compreendida,
Especie difícil de conciliar
Vejo uma sociedade dividida
Uma parte enxerga seu umbigo
Outra só pensa em sua vida.
José Humberto da Silva
Enviado por José Humberto da Silva em 06/08/2019
Reeditado em 06/08/2019
Código do texto: T6714054
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Humberto da Silva
Sales Oliveira - São Paulo - Brasil
905 textos (40863 leituras)
1 áudios (136 audições)
1 e-livros (86 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/19 03:04)
José Humberto da Silva