Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sambinha da Cubana

                               Belém, 02 de fevereiro de 2015.


Conceiçón
Dizia o que eu tinha
Conceiçón
Curou minha murrinha
Estrangeira
A cubana
Cuidadosa
Tão sem fama


Conceiçón
Dormia em minha casa
E comia
Acari feito na brasa
Era simples
Era séria
Combatia
A miséra


Conceiçón
Falou que foi cassada
De curá
Não pode fazer nada
De Brasília
Veio a culpa
Foi-se embora
Lá pra Cuba


Conceiçón
Cadê minha receita?
A malária
Di novo que me deita
Diz que veio
Um doutô
Pouco liga
Nossa dor


E foi assim que faz dez ano
Que a gente soube dos cubano...
Pantoja Ramos
Enviado por Pantoja Ramos em 09/02/2015
Reeditado em 09/07/2015
Código do texto: T5131359
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Pantoja Ramos
Belém - Pará - Brasil, 44 anos
313 textos (12091 leituras)
102 áudios (3241 audições)
45 e-livros (2792 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/20 17:06)
Pantoja Ramos