Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu gato Salém

Olhos acesos, vívidos e atentos a fitar-me...
Me envolve em proteção, cuidado e respeito, admirando. Intrépido, sagaz e independente. Uma alma que faz ecoar entre os séculos, o amor e afeição pela minha. Sempre na sua luta para conseguir o que se propôs a alcançar. Olhos de luz não permite a escuridão me cegar, olhos que enxergam além da carne. Sempre a velar, segue-me pelos velhos muros e frondosas árvores. Sempre me faz olhar para cima. Olhar ameno como uma brisa suave de por do sol. Sou imensamente grata por mais uma vez estar contigo, dentre tantas possibilidades e séculos, convivemos em mais uma era. Verdadeiro e iluminado, um ser que dilacera as trevas. Meu gato Salém sabe, sem bússola localizar as minhas dores, receios e fortaleza, tem decorada a geografia da minha alma, sabe ler a minha vida como quem ler um livro da história, somando ao passado não mais presente, recolhido e sutil, na minha memória.
Sâmya Costa
Enviado por Sâmya Costa em 24/06/2020
Código do texto: T6986241
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Sâmya Costa
Campina Grande - Paraíba - Brasil
137 textos (9332 leituras)
2 áudios (330 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/08/20 20:56)
Sâmya Costa