Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Bem da Verdade...

Creio que haja, dentro de todo valentão, uma criatura acovardada, trêmula, amedrontada. Que se esconde sob essa vil carcaça humana que se mostra como é. Paradoxalmente, quanto maior sua demonstração de força física, de falta de compaixão, maior sua fraqueza mental, psíquica, espiritual. Maior seu Medo de ser descoberto e ter de lidar com isso. Com os supostos olhares do público sobre si. Olhares de piedade, de pena.

Esses valentões são uma das manifestações mais comuns do câncer humano que corrói a sociedade. Desde sempre.


Seu fim ou é virando menininha na cadeia ou tendo uma merecida morte infeliz, trágica, marcada. Para dar sentido à sua vida ínfima, vazia, corrompida desde sua geração intrauterina. Desgraçadamente conheço tipos assim. Desgraçada e infelizmente. Mas che fare? A Escola da Vida está aí para nos ensinar -- igualmente pelos exemplos de que jamais devemos seguir.

Dáblio Vê
Enviado por Dáblio Vê em 11/07/2019
Código do texto: T6693873
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dáblio Vê
Poá - São Paulo - Brasil, 42 anos
805 textos (6399 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/19 09:25)
Dáblio Vê