Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inverno

Fazia tempo que eu ñ notava o ceu
Mas o ceu azul sem o veu e nu

Fazia tempo que eu ñ amanhecia comigo
Fazia tempo que eu ñ lia o que estava escrito

Fazia tempo que eu ñ dormia no sofá
Fazia tempo que eu ñ ouvia o som do metro
Que eu ñ ouvia o vendedor.

Fazia tanto tanto tempo que por medo as cortinas ñ me
mostravam os palhaços alegrando o picadeiro.

Fazia tempo que eu ñ via a furia da invernada
derrubando casas , destruindo ruas, matando animais ,
levando pessoas.

Natureza que chora por varias razões
Natureza divina, Natureza humana que tem se
perdido diante de tanta coisa nesta vida.

Fazia tanto tempo que eu ñ via o tempo passar
Como fazia tempo , muito tempo que eu me recusava
a acreditar.





.



Esmeralda(Carrossel das ilusões)
Enviado por Esmeralda(Carrossel das ilusões) em 19/06/2019
Código do texto: T6676507
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Esmeralda(Carrossel das ilusões)
Recife - Pernambuco - Brasil
663 textos (22049 leituras)
15 áudios (578 audições)
4 e-livros (371 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/11/19 11:21)
Esmeralda(Carrossel das ilusões)