Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Depois

As pessoas sempre dizem o quanto sou fria ao lidar com finais de relacionamentos, a pequenas separações, frustrações ou qualquer outra coisa que envolva outro alguém, dizem que não costumo me importar e sabe? É verdade. Claro que é. Com o tempo, com as magoas e as decepções aprendi que fica quem quer e se for embora foi porque quis. Simples assim. Sem mas.
Chorar, se lamentar ou extravasar tristeza no facebook não vai adiantar, não vai trazer paz e muito menos a pessoa de volta, ao invés disso um copo cheio de cerveja bem gelada esquenta o coração cheio de mim, um livro novo pode ser bem mais interessante, até por que sempre existe um plano b, c, d, um alfabeto de opções pra ter em mente que não há somente um alguém pra me fazer feliz.
Eu vivo o momento, o agora, o abraço apertado, o carinho, a presença mesmo que seja do outro lado da cidade, o suor escorrendo depois daquela noite, o dormir de conchinha, mas depois que isso acaba. Acabou. Vira uma vaga lembraça. Memoria. Uma piada que perdeu a graça. Vira."

Julliana Nevian
J B Nevian
Enviado por J B Nevian em 09/05/2015
Código do texto: T5235680
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
J B Nevian
Salvador - Bahia - Brasil, 25 anos
11 textos (399 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/19 16:05)
J B Nevian