Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                              TRAPEZISTA SEM REDE








Quando escrevo sinto que sou livre.


Não é uma sensação qualquer. É uma liberdade de trapezista sem rede.


Exige coragem e entrega à palavra. E cobra seu preço.


O risco é um poço sem fundo. A ausência do sentido. Nenhuma ponte de ligação até o outro. Do outro lado da tela.


Sem o sentido a nos ligar, nada terá sido escrito. Nada foi dito.


Restará o silêncio pesado. Aflito.


E mais um encontro não se fez na incomunicabilidade. Nenhum um pio, nenhum grito.


Entretanto, se no centro da tua alma habita a mesma ânsia de liberdade, estaremos, num instante, em comunhão.


Assim, nossas entrelinhas se cruzam pelos caminhos que levam à criação.


Há um sentido maior que nos une e traduz. 


É por isso que escrevo. Sou finalmente livre em busca de luz.






(*) Imagem: Google

www.dolcevita.prosaeverso.net

Dolce Vita
Enviado por Dolce Vita em 21/06/2009
Reeditado em 21/06/2009
Código do texto: T1660649
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Dolce Vita
São Paulo - São Paulo - Brasil
1206 textos (275765 leituras)
338 áudios (55149 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 14:02)
Dolce Vita

Site do Escritor