Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Oração da esperança

Pai! Eu sei o quanto vivo a lhe aborrecer
Mas venho de novo lhe falar em oração
Para que ouça da minha alma a aflição
E assim possa me escutar e me atender...

Que eu ainda possa me deixar maravilhar
Que meu espírito não seja só ressentimento.
Que ele esteja a cada instante mais atento
Pra ver o belo e dele também compartilhar.

Que ainda possa admirar-me de toda beleza
E do chão que piso com o tato dos meus pés.
Que as estrelas desse céu que é meu convés
Me façam companhia com toda a delicadeza.

Que eu perceba que ainda posso respirar...
E que à minha volta haja amor e dele eu viva.
Que às lembranças dos tormentos sobreviva
E em minhas conquistas possa me regojizar.

Que ao ler um texto tenha como o aprender
E possa ouvir a voz do sábio a me explicar...
Que o cérebro e os olhos possam decodificar,
E os meus planos eu ainda sáiba descrever.

Que o cotidiano  ao meu  EU não fragilize
Para que em mim ainda brote a esperança...
Que minhas ações denotem toda a confiança.
E a fé que tenho, ao espalhá-la a internalize...

Que eu veja propósito no existir por existir
Que o meu percurso no existir seja deleite.
Que eu ame a vida e a ela então respeite...
Que à minha volta veja motivos para sorrir.


Adriribeiro/@adri.poesias




Adriribeiro
Enviado por Adriribeiro em 12/03/2021
Reeditado em 12/03/2021
Código do texto: T7204681
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Adriribeiro
Arauá - Sergipe - Brasil
521 textos (9834 leituras)
1 áudios (45 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/05/21 02:37)
Adriribeiro