Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O alimento nosso de cada dia

No alvorecer, ouve-se um piado longo. Há um ninho escondido entre a madeira e o telhado. Ela dá rasante por cima das casas em busca do alimento para os filhotes que, alheios ao mundo, esperam saciar suas necessidades.
A ave voa sem encontrar um inseto sequer. Retorna ao beiral. O olhar atento é instintivo. Nova revoada e traz no bico um grilo descuidado. Alimenta os bicos escancarados em frágeis corpos sem plumas. No dia seguinte eles esperam em vão o alimento. Um gavião que rondava por ali tinha filhotes também.
Cláudia Machado
Enviado por Cláudia Machado em 20/05/2019
Reeditado em 16/08/2019
Código do texto: T6652113
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Cláudia Machado
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
773 textos (24015 leituras)
60 áudios (2993 audições)
1 e-livros (22 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/07/20 03:55)