Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O pecado da humanidade

O Pecado da humanidade

A humanidade é pecadora por natureza,
Disso temos sempre provada certeza.
Então por vaidade abandonamos o Criador
Fabricado ídolos que são obras mortas.
Que não abrem nem fecham portas
Expulsando da nossa vida ao Senhor.

Então na sua vaidade muito orgulhosa,
Fazem obra e teoria bastante mentirosa.
Porque não querem orientação sensata
Desculpam-se com a sua independência.
Assim fabricam obras sem coerência
Lentamente dos seu Criador se afastam.

Pobres mortais que são cegos coitados,
Aos seus prazeres ficam abandonados.
Permanecendo em ódios e guerras,
Pela ambição do seu poder temporal
Que sempre terminam em dor e mal,
Morrem deixado cá o poder e as terras.

Em propaganda de vãs promessas
Que jámais serão cumpridas essas.
De degrau em degrau vão piorando.
Fazendo tratados de paz e amizades
Acabando por não terem validades,
E assim as coisas vão caminhando.

Óh humanidade louca e irresponsavel
Esta realidade que deixas é deploravel,
Morres e compareces perente o Criador.
Aquele de quem tu sempre fugiste
Andando no caminho largo onde caíste,
Agora o teu juiz vai ser o Senhor.

J. Rodrigues (Galeano) 11/10/2016
 
Galeano
Enviado por Galeano em 11/10/2016
Código do texto: T5788447
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Galeano
Portugal, 83 anos
659 textos (111561 leituras)
14 áudios (2011 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/19 03:56)
Galeano