Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PERFUME
*
Presente-se acumuladamente
o
Exilir exclusivo...
O incorporo, acolho e aceito
o Perfume existente,
que penetra independentemente
pertinaz nessa Pele.
Alvorada de gotas
que se não se apercebem,
numa pele tocada, aliviada e
Alimentada pela Fragáncia.
Exéncia que deixa rasto.
Aroma que muda, se fecunda declaradamente.
Singular a Pele pasmada.
Cristal, aparente, fragmento.
Se prevé desejo sem estravio,
trespassa até a Alfazema estimulada.
Sintese vigente.
Aroma distinto.
Perfume que habita, se move e transforma...
num rasto, em Relámpago incerto.
...se repete, impreciso...
Delicada é a Vida
os anos passam, mais uma vez.
Até ao dia!
O Perfume, as badaladas de um Jardim
de
Corações que Batem.

Jardin de Bagatelle
Divavid
Enviado por Divavid em 20/06/2009
Reeditado em 29/12/2018
Código do texto: T1657887
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Divavid
Köln - Nordrhein-Westfalen - Alemanha
1080 textos (53958 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/19 04:48)
Divavid