Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mascaras

A vida vai seguindo seu fluxo, e nesta estrada longa e muitas vezes dolorosa, vamos trocando as mascaras no meu do caminho. Mascaras essas para esconder quem de fato somos, para esconder nossas dores, nossas decepções, nossas fraquezas e nossos medos.

Quantas vezes não usamos a mascara do riso fácil, do bom humor, enquanto estamos com o coração sangrando e chorando no intimo do nosso interior. Outras vezes, precisamos dar um passo decisivo e desafiador, mas não podemos ou não queremos demonstrar que estamos com medos, inseguros, afinal ninguém precisa conhecer as nossas inseguranças. Então colocamos aquela mascara do corajoso, daquele super-herói que não conhece o medo e muito menos a insegurança.

São as mais diversas mascaras que o ser humano usa no decorrer da sua existência. Tem a mascara do insensível, do tipo coração de pedra, que tem como objetivo esconder um sentimento que esta ali batendo forte no peito, mas qual a necessidade que saibam que você é sentimental, vão querer se aproveitar disto e você vai acabar sofrendo. E assim você esconde o que senti atrás de uma mascara e perde a oportunidade de deixar que o outro saiba dos seus sentimentos, e talvez até deixe de viver uma grande historia.

E assim seguimos em frente, sem que ninguém nos conheça de fato, pois alguém só conhece de você aquilo que você não escondeu atrás das mascaras no decorrer de sua existência. Será que vale a pena uma vida que você passou a maior parte do tempo escondido atrás de uma mascara?

Quais são as suas mascaras? Tire suas mascaras, se mostre de verdade e deixe que se agradem ou não, pois ficarão apenas aqueles que de fato gostaram de você sem algo para mascarar quem você realmente é.
Stoff Vieira
Enviado por Stoff Vieira em 26/10/2017
Código do texto: T6153352
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Stoff Vieira Costa). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Stoff Vieira
Araguaína - Tocantins - Brasil, 32 anos
114 textos (101353 leituras)
3 áudios (574 audições)
2 e-livros (145 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/19 18:43)
Stoff Vieira