Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Assim somos

Ao assim que medo sente,
Mesmo o senil amor vente,
Ocasionar versos elegíveis,
Mas ainda corações incríveis.

Assim somos que nutristes,
Sereno amor que pertences,
Pertence ao amor maior,
Ao correr como quem está.

Refrão
Onde o amar que se sente,
O que ao amo que eu recente,
Sempre indagando que surte,
Como o amor que se comporte.

Mais e mais somos referentes,
O amor que tudo se reconforta,
O amo que amor que diz,
A paisagem que todo maior amor.

Da paz que o amor conforta,
Faz da metade maçã oposta,
O amor que se concentra,
Mesmo em que erro ocorra.


Refrão
Onde o amar que se sente,
O que ao amo que eu recente,
Sempre indagando que surte,
Como o amor que se comporte.

O amor que me converge,
Alegria sincera que espere,
O amor que tudo concentra,
Assim o trejeito que mostra.

O amor que se denota,
Assim o amar sem medo,
E caritativa ombro o cedo,
De fazer ser quem nota.


Refrão
Onde o amar que se sente,
O que ao amo que eu recente,
Sempre indagando que surte,
Como o amor que se comporte.

Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 21/10/2019
Código do texto: T6775511
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
1840 textos (6865 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 01:59)
Gumer Navarro