Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Venerável Mamãe Margarida (1788-1856) - Sonho das Almas Acorrentadas

 Vários foram os sonhos proféticos de Dom Bosco, que por diversas vezes previu a morte de personalidades. Em um destes sonhos proféticos, ainda bem jovem, Dom Bosco se via fazendo um dever de latim; ao acordar escreveu o mesmo e pediu a ajuda de um padre para traduzi-lo. Na aula seguinte este texto foi ditado, e Dom Bosco obteve ótimo desempenho. Sobre este dom, afirmava o próprio santo: - “Embora a bondade de Deus tenha sido generosa para comigo, jamais pretendi conhecer ou realizar coisas sobrenaturais”.

http://www.jluciano.eti.br/profecias/dombosco.htm
___________
SONHOS DE DOM BOSCO - INFERNO
https://www.youtube.com/watch?v=cS2Op8Y2huM
___________________

Tradução de sonhos - 2003 // 1º Semestre
AS CASAS SALESIANAS DA FRANÇA (1880)
(MB 14, 608-609 = MBe 14, 518-519)

http://sol.cdb.br/func/sonhos%20de%20Dom%20Bosco%20Parte%20III.pdf
____________

Dom Bosco I – Um sonho profético – Maio de 1825

-”Certamente o conseguirás com obediência e estudo. Para isso, tenho aqui a mais sábia das mestras: minha mãe!”

-”Eis tua missão: procura conduzir esses jovens ao bom caminho. Leva-os a Deus! Tudo compreenderás. Torna-te humilde, forte e corajoso.”

Certa noite, o sonho dos 9 anos volta a se repetir, João revê Nossa Senhora e os cordeiros. Foi asperamente repreendido por ter colocado esperança nos homens e não na bondade do Pai do céu, devido ao fato de até ter ficado doente, depois da morte do P. Calosso. Ao acordar, se sentirá mais confiante e corajoso para prosseguir e dirigir seu rebanho.

A história de Dom Bosco começa menos de dois meses após a batalha de Waterloo, em Castelnuovo d’Asti, hoje Castelnuovo Don Bosco, um povoado perto de Turim, ao norte de uma Itália redesenhada de acordo com os caprichos dos vencedores de Napoleão.

João Melchior Bosco nasceu no dia 16 de agosto de 1815, na casa do arrendador Giacinto Biglione, no povoado Morialdo, localidade dos Becchi, município de Castelnuovo d’Asti, diocese de Turim. Era filho de Francisco Luis (1784-1817) e de Margarida Occhiena (1788-1856), casados em 6 de junho de 1812. A data de nascimento está fixada à pág. 145 do livro de batizados da paróquia Santo André, em Castelnuovo d’Asti. Foi batizado no dia 17 de agosto, sendo padrinho Melchior Bosco Occhiena e madrinha Madalena Bosco. A família, naquela data, além dos pais e do recém-nascido, completava-se com Antônio (1808-1849), filho do primeiro casamento de Francisco e José Luís, nascido em 1813. Com eles vivia também a avó paterna, Margarida Zucca (1752-1826).

Francisco tinha comprado em 17 ou 18 de fevereiro de 1817 uma modesta construção disposta de depósito de feno e estala, chamada em seguida de “casinha dos Becchi”, a “Belém salesiana”, porque considerada erroneamente como aquela em que nascera João Melchior. Francisco morreu em 11 de maio de 1817.

Em 1815 uma extraordinária carestia afligia o Piemonte.

Em dezembro de 1823 João aprende a soletrar com um camponês. Em 3 de novembro de 1824 vai para a escola em Capriglio com padre Lacqua. Em março de 1825 termina a escola em Capriglio e retoma-a por poucos meses em novembro.

http://www.dombosco.net/institucional/dom-bosco/
____________

Passa o tempo e João Bosco vai crescendo. Agora, prepara-se para a primeira comunhão, orientado por mamãe Margarida, a quem ele pede que perdoe as faltas cometidas em casa. Na quaresma de 1827 Margarida envia João para a catequese paroquial.

Observando o filho que partia, mamãe Margarida o abençoa e faz uma prece, pedindo a Deus que o acompanhe, indicando o bem caminho.


Oração para obter a Canonização da Venerável Margarida Occhiena, Mãe de Dom Bosco

“João, você vestiu o hábito de sacerdote. Sinto toda a consolação que uma mãe possa sentir. Lembre-se, porém, de que não é o hábito que o dignifica, mas a virtude. Se algum dia vier a duvidar de sua vocação, não desonre este hábito. Deixe-o imediatamente. Prefiro ter um filho pobre camponês a um sacerdote que descure seus deveres. Quando você nasceu, consagrei-o a Nossa Senhora. Quando começou os estudos, recomendei-lhe que amasse a essa nossa boa Mãe. Agora, recomendo que seja todo Seu”. Estas foram as palavras ditas por mamãe Margarida quando Dom Bosco entrou no Seminário.



Nós vos agradecemos, ó Deus nosso Pai,
porque fizestes de Mamãe Margarida mulher forte e sábia, mãe heróica e educadora perspicaz.
Concedei-nos a alegria de vê-la glorificada, a fim de que brilhe para todos
o caminho da santificação vivido no dia a dia e no humilde serviço ao próximo.
Concedei, por sua intercessão, as graças que vos pedimos com coração confiante.

Por Cristo nosso Senhor. Amém.
Marcadores: CANONIZAÇÃO

Igreja incentiva canonização de Margarida Occhiena, mãe de são João Bosco
sábado, abril 28, 2012 |

Capriglio (Gaudium Press/ANS) - A igreja paroquial de Capriglio, em Ásti (Itália), organizou na última segunda-feira, 23, um encontro para promover a canonização da mãe de são João Bosco, a Venerável Margarida Occhiena (Mama Margarita).

Várias autoridades estiveram presentes dentre elas o Bispo de Ásti, Dom Francesco Ravinale, o Pároco de Capriglio, Padre Domingos Valsani e o Prefeito da cidade, senhor João Carlos Barberis. É importante ressaltar que a cidade de Capriglio é a terra Natal de "Mama Margarita".

O postulador da causa dos Santos da Famíla Salesiana, Padre Pierluigi Cameroni SDB, convidado para a cerimônia, explicou que é importante que os fiéis intensifiquem o conhecimento e a oração insistente, tanto individual, quanto nas comunidades e grupos católicos, a fim de obter o milagre requerido para a canonização.
Mama Margarita foi apresentada como uma figura da atualidade, não apenas pela realidade da Família em nossos dias, mas também por tudo o que ela representa. Padre Cameroni declarou a Venerável Mãe de São João Bosco como um dos modelos mais significativos de maternidade espiritual orientada aos sacerdotes.


http://www.diariocatolico.com.br/2012/04/igreja-incentiva-canonizacao-de.html
_________________________

Desde menino, João Bosco, de família pobre e órfão de pai, aprendeu com Mamãe Margarida a confiar no Senhor e que a resposta à sua pergunta: Quem é o senhor que me ordena coisas impossíveis?, ele só a entenderia no final de sua vida: A seu tempo tudo compreenderás. Porque São João Bosco confiou no Senhor, os jovens de todos os tempos saberão que houve um homem que os amou em Cristo e que por eles gastou a própria vida: Aqui entre vocês me acho bem, minha vida é mesmo estar com vocês. 01 Canto de entrada PAI, MESTRE E AMIGO Pai, de muitos jovens, pai Escuta o nosso grito De vida a se expressar. Volta, Dom Bosco sempre jovem, Que o mundo envelhece Sem fé e sem coração Mestre, és nosso Pai e Amigo Nós, jovens deste mundo, Queremos caminhar. Abre a Cristo a nossa vida Anima o compromisso De fé com nosso irmão. Oh, oh, oh... Festa, contigo sempre é festa Contigo a vida é canto Que explode no amor. Hoje, em nós ainda vive O amor que dedicaste Ao jovem sonhador 02 Saudação do Celebrante Cel.: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo Todos: Amém Cel.: a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco Todos: Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

______________________
Os Sorrisos De Dom Bosco 1960 Padre Luis Chiavarino

http://lista.mercadolivre.com.br/livros/os-sorrisos-de-dom-bosco
https://www.youtube.com/watch?v=81bNthp8IBU&ebc=ANyPxKq1wBO29X-ECCTLHx7kGQRQ0N66IKyX7QsmbiSiJere3IJvsQicElEciOz6HQPTFNcmzYLY0-wYKNZ92blPMQour9CCvw
Enviado por J B Pereira em 25/03/2016
Código do texto: T5585049
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
J B Pereira
Piracicaba - São Paulo - Brasil
2299 textos (1287374 leituras)
14 e-livros (90 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/19 17:41)
J B Pereira