Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CITAÇÕES BÍBLICAS SOBRE O ESPÍRITO SANTO

29 maio 2006
ESPIRITO SANTO

ESPÍRITO SANTO , DEUS DE AMOR

Espírito Santo, Deus de amor, concede-me : Uma inteligência que te conheça; Uma angústia que te procure; Uma sabedoria que te encontre; Uma vida que te agrade; Uma vida que te agrade; Uma perseverança que, enfim, te possua.

Amém. Sto. Tomas de Aquino


ORAÇÃO PARA PEDIR OS SETE DONS DO ESPÍRITO SANTO

Espírito Santo, concedei-me o dom da Sabedoria.

Com ela, saberei viver dignamente. Sentirei gosto pelas coisas de Deus. E farei tudo de coração alegre, para ver os meus semelhantes sempre mais felizes, como eu mesmo quero ser feliz.

- Vinde, Espírito Santo !

Espírito Santo, concedei-me o dom do Discernimento.

Com ele, poderei compreender sempre melhor a vossa Palavra em minha vida, na vida do meu próximo, na Bíblia e nos acontecimentos de cada dia. E assim viverei sempre de acordo com o vosso querer divino.- Vinde,...

Espírito Santo, concedei-me o dom do Conselho.

Com ele, poderei encontrar a decisão certa no momento certo. E saberei também aconselhar, ajudando o meu próximo, não só com sugestões, mas principalmente com meu bom exemplo, com meu testemunho de vida cristã e com minha solidariedade. - Vinde,...

Espírito Santo, concedei-me o dom da Fortaleza.

Com ele, não terei medo de nada: nem de ofensas, nem de sofrimentos. E terei forças para não desanimar no caminho que me leva para vós. - Vinde,...

Espírito Santo, concedei-me o dom da Ciência.

Com ela , conhecerei sempre melhor os caminhos que me levam para vós. Não peço apenas ciência que passa, mas principalmente a consciência tranqüila de viver na fé, na esperança e na caridade. - Vinde,...

Espírito Santo, concedei-me o dom da Piedade.

Aquela afeição filial diante do nosso Pai Celeste. Com esse dom, continuarei amando a Deus de todo o coração, com todas as minhas forças, com toda a minha inteligência, com toda a minha alegria, mesmo nos momentos de amargura e dor. E saberei amar e animar o meu próximo como a mim mesmo, com temor somente de ofender alguém, seja quem for. Porque vós nos tornastes filhos e filhas de Deus. - Vinde,...

Espírito Santo, concedei-me o dom do Temor de Deus.

Assim, eu terei um só receio: o medo de ofendere e entristecer ao meu Pai Celeste. Assim temendo, como filho, ao meu Deus, eu nunca vou ofender ao meu próximo, imagem de Deus, e saberei perdoar sempre, exatamente como eu quero amar e ser perdoado. - Vinde,...



Vinde, Espírito Santo ! Enchei os corações de vossos fiéis, e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai, Senhor, o vosso Espírito, e tudo será criado. - E renovareis a face da terra.

OREMOS : Ó Deus, que iluminastes os corações de vossos fiéis com a luz do Espírito Santo, concedei-nos, pelo mesmo Espírito, que apreciemos retamente todas as coisas e nos alegremos sempre de sua consolação.Por Cristo, Senhor nosso. AMÉM.



ORAÇÃO PARA PEDIR OS DOZE FRUTOS DO ESPÍRITO SANTO

Divino Espírito Santo, Sopro eterno de Amor entre o Pai e o Filho ! Hoje Venho pedir-vos, de coração aberto, os vossos Doze Frutos :

O fruto da caridade, que me faça amar a Deus de todo o coração e ao meu próximo como a mim mesmo.

O fruto da alegria, que me faça viver intimamente consolado, sem nunca desanimar, por mais que esteja sofrendo.

O fruto da paz, que me faça viver espiritualmente tranqüilo, ainda que esteja passando as maiores tribulações internas ou externas.

O fruto da paciência, que me ajude a sofrer qualquer coisa por amor a Deus.

O fruto da benignidade, que me faça solidário e amigo com todos que precisarem de mim.

O fruto da bondade, que me torne atenciosopara com todos , principalmente com os mais necessitados.

O fruto da longanimidade, que me faça esperar por momentos melhores com otimismo, sem ficar aflito.

O fruto da mansidão, que me faça suportar qualquer ofença, esquecimento ou ingratidão, sem perder a calma.

O fruto da fé, que me faça crer firmemente na vossa Palavra, revelada no Universo, na História, na Bíblia e na Igreja.

O fruto da modéstia, que me faça respeitar os outros, como espero ser respeitado, e mesmo que não me respeitem.

O fruto da pureza, que conserve o meu espírito sempre bom e inocente, sem maldade nem malícia.

O fruto da castidade, para que eu respeite o meu corpo e dos meus irmãos e irmãs, como templos sagrados onde vós quereis habitar para sempre, nesta e na outra vida.

 Divino Espírito Santo, fazei que os vossos frutos cresçam em mim cada dia mais, para que eu possa contemplar eternamente, de corpo e alma, a vossa glória no Pai e no Filho Jesus. AMÉM.

............................................................................................................................

CITAÇÕES BIBLICAS: SETE DONS do Espírito Santo: ''Sobre meu Filho pousará o meu Espírito. Espírito de sabedoria e discernimento, Espírito de conselho e fortaleza. Espírito de ciência, piedade e temor de Deus.'' (Isaías 11, 2-3)

SETE FRUTOS do Espírito Santo : confira na Neo-Vulgata (tradução oficial da Igreja Católica) em Gálatas 5, 22


Ó ESPÍRITO SANTO !

 Ó Espírito Santo, amor do Pai e do Filho, inspirai-me sempre aquilo que devo pensar, aquilo que devo dizer, como devo dizê-lo, aquilo que devo calar, aquilo que devo escrever, como devo agir, aquilo que devo fazer, para procurar a Vossa glória, o bem das almas e minha própria santificação. Amém.

Orações adaptadas do livro:
"Falando com Deus- Orações do povo"
Padre José Dias Goulart - Paulus Editora
posted by Prof. João Cesar @ 21:11

http://oracoescatolicas.blogspot.com.br/2006/05/espirito-santo.html
_________________

Todos os que são guiados pelo Espírito são filhos de Deus. Romanos 8, 14
http://ms-frases.comunidades.net/index.php?pagina=1234378714
________________________

GÊNESIS 1
1 NO princípio criou Deus os céus e a terra.
2 E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas.
26 E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.
GÊNESIS
1 NO PRINCÍPIO DEUS CRIOU OS CÉUS E A TERRA.
2 ORA, A TERRA MOSTRAVA SER SEM FORMA E VAZIA, E HAVIA ESCURIDÃO SOBRE A SUPERFÍCIE DA ÁGUA DE PROFUNDEZA; E A FORÇA ATIVA DE DEUS MOVIA-SE POR CIMA DA SUPERFÍCIE DAS ÁGUAS.
26 E DEUS PROSSEGUIU, DIZENDO: “FAÇAMOS [O] HOMEM À NOSSA IMAGEM, SEGUNDO A NOSSA SEMELHANÇA, E TENHAM ELES EM SUJEIÇÃO OS PEIXES DO MAR, E AS CRIATURAS VOADORAS DOS CÉUS, E OS ANIMAIS DOMÉSTICOS, E TODA A TERRA, E TODO ANIMAL MOVENTE QUE SE MOVE SOBRE A TERRA.”
GÊNESIS 11
7 Eia, desçamos e confundamos ali a sua língua, para que não entenda um a língua do outro.

GÊNESIS 11
7 VAMOS! DESÇAMOS E CONFUNDAMOS O SEU IDIOMA, PARA QUE NÃO ESCUTEM O IDIOMA UM DO OUTRO.

ISAÍAS 4
4 Quando o Senhor lavar a imundícia das filhas de Sião, e limpar o sangue de Jerusalém, do meio dela, com o espírito de justiça, e com o espírito de ardor.
ISAÍAS 4
4 QUANDO JEOVÁ TIVER LAVADO O EXCREMENTO DAS FILHAS DE SIÃO, E ELE ELIMINAR DE ENXAGUADURA ATÉ MESMO O DERRAMAMENTO DE SANGUE DE JERUSALÉM, DE DENTRO DELA, PELO ESPÍRITO DE JULGAMENTO E PELO ESPÍRITO DE QUEIMA,
ISAÍAS 6
8 Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.
ISAÍAS 6
8 E COMECEI A OUVIR A VOZ DE JEOVÁ, DIZENDO: “A QUEM ENVIAREI E QUEM IRÁ POR NÓS?” E EU PASSEI A DIZER: “EIS-ME AQUI! ENVIA-ME.”

ISAÍAS 11
2 E repousará sobre ele o Espírito do SENHOR, o espírito de sabedoria e de entendimento, o espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do SENHOR.
ISAÍAS 11
2 E SOBRE ELE TERÁ DE POUSAR O ESPÍRITO DE JEOVÁ, O ESPÍRITO DE SABEDORIA E DE COMPREENSÃO, O ESPÍRITO DE CONSELHO E DE POTÊNCIA, O ESPÍRITO DE CONHECIMENTO E DO TEMOR DE JEOVÁ;

ISAÍAS 42
1 EIS aqui o meu servo, a quem sustenho, o meu eleito, em quem se apraz a minha alma; pus o meu espírito sobre ele; ele trará justiça aos gentios.
ISAÍAS 42
1 EIS MEU SERVO A QUEM ESTOU SEGURANDO! MEU ESCOLHIDO, [A QUEM] A MINHA ALMA TEM APROVADO! PUS NELE O MEU ESPÍRITO. JUSTIÇA PARA AS NAÇÕES É O QUE ELE PRODUZIRÁ.

ISAÍAS 48
16 Chegai-vos a mim, ouvi isto: Não falei em segredo desde o princípio; desde o tempo em que aquilo se fez eu estava ali, e agora o Senhor DEUS me enviou a mim, e o seu Espírito.
ISAÍAS 48
16 “CHEGAI-VOS A MIM. OUVI ISTO. DESDE O COMEÇO, ABSOLUTAMENTE NÃO TENHO FALADO NUM ESCONDERIJO. ESTIVE ALI DESDE O TEMPO DA SUA OCORRÊNCIA.” E AGORA ME ENVIOU O PRÓPRIO SOBERANO SENHOR JEOVÁ, SIM, SEU ESPÍRITO.

ISAÍAS 52
10 O SENHOR desnudou o seu santo braço perante os olhos de todas as nações; e todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus.
ISAÍAS 52
10 JEOVÁ DESNUDOU SEU SANTO BRAÇO DIANTE DOS OLHOS DE TODAS AS NAÇÕES; E TODOS OS CONFINS DA TERRA TERÃO DE VER A SALVAÇÃO DA PARTE DE NOSSO DEUS.

ISAÍAS 63

10 Mas eles foram rebeldes, e contristaram o seu Espírito Santo; por isso se lhes tornou em inimigo, e ele mesmo pelejou contra eles.
14 Como o animal que desce ao vale, o Espírito do SENHOR lhes deu descanso; assim guiaste ao teu povo, para te fazeres um nome glorioso.
ISAÍAS 63
10MAS ELES MESMOS SE REBELARAM E FIZERAM SEU ESPÍRITO SANTO SENTIR-SE MAGOADO. TRANSFORMOU-SE ENTÃO EM INIMIGO DELES; ELE MESMO GUERREOU CONTRA ELES.
14 ASSIM COMO QUANDO O PRÓPRIO ANIMAL DESCE AO VALE PLANO, O PRÓPRIO ESPÍRITO DE JEOVÁ PASSOU A FAZÊ-LOS DESCANSAR.” ASSIM CONDUZISTE O TEU POVO, A FIM DE FAZER PARA TI MESMO UM BELO NOME.

SALMOS 2
7 Proclamarei o decreto: o SENHOR me disse: Tu és meu Filho, eu hoje te gerei.
SALMOS 2
7 CITE EU O DECRETO DE JEOVÁ; ELE ME DISSE: “TU ÉS MEU FILHO; HOJE EU ME TORNEI TEU PAI.

SALMOS 33
6 Pela palavra do SENHOR foram feitos os céus, e todo o exército deles pelo espírito da sua boca.
SALMOS 33
6 PELA PALAVRA DE JEOVÁ FORAM FEITOS OS PRÓPRIOS CÉUS,
E PELO ESPÍRITO DE SUA BOCA, TODO O EXÉRCITO DELES.

SALMOS 51
11 Não me lances fora da tua presença, e não retires de mim o teu Espírito Santo.
SALMOS 51
11 NÃO ME LANCES FORA DE DIANTE DA TUA FACE; E NÃO TIRES DE MIM O TEU ESPÍRITO SANTO.

SALMOS 104
30 Envias o teu Espírito, e são criados, e assim renovas a face da terra.
31 A glória do SENHOR durará para sempre; o SENHOR se alegrará nas suas obras.
SALMOS 104
30 SE ENVIAS TEU ESPÍRITO, SÃO CRIADOS; E FAZES NOVA A FACE DO SOLO.
31 A GLÓRIA DE JEOVÁ MOSTRARÁ SER POR TEMPO INDEFINIDO. JEOVÁ SE ALEGRARÁ COM OS SEUS TRABALHOS.
JÓ 26
Pelo seu Espírito ornou os céus; a sua mão formou a serpente enroscadiça.
JÓ 26
13 PELO SEU VENTO ELE POLIU O PRÓPRIO CÉU, SUA MÃO FUROU A SERPENTE DESLIZADORA.


NOVO TESTAMENTO



MATEUS 3
16 E, sendo Jesus batizado, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba e vindo sobre ele.
17 E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.
MATEUS 3
16 JESUS, DEPOIS DE TER SIDO BATIZADO, SAIU IMEDIATAMENTE DA ÁGUA; E EIS QUE OS CÉUS SE ABRIRAM E ELE VIU O ESPÍRITO DE DEUS DESCENDO SOBRE ELE COMO POMBA.
17 EIS QUE TAMBÉM HOUVE UMA VOZ DOS CÉUS, QUE DISSE: “ESTE É MEU FILHO, O AMADO, A QUEM TENHO APROVADO.”

MATEUS 16
16 E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo.
17 E Jesus, respondendo, disse-lhe: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque to não revelou a carne e o sangue, mas meu Pai, que está nos céus.
MATEUS 16
16 EM RESPOSTA, SIMÃO PEDRO DISSE: “TU ÉS O CRISTO, O FILHO DO DEUS VIVENTE.”
17 JESUS LHE DISSE, EM RESPOSTA: “FELIZ ÉS TU, SIMÃO, FILHO DE JONAS, PORQUE [ISSO] NÃO TE FOI REVELADO POR CARNE E SANGUE, MAS POR MEU PAI, QUE ESTÁ NOS CÉUS.

MATEUS 28
19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;
20 Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém.
MATEUS 28
19 IDE, PORTANTO, E FAZEI DISCÍPULOS DE PESSOAS DE TODAS AS NAÇÕES, BATIZANDO-AS EM O NOME DO PAI, E DO FILHO, E DO ESPÍRITO SANTO,
20 ENSINANDO-AS A OBSERVAR TODAS AS COISAS QUE VOS ORDENEI. E EIS QUE ESTOU CONVOSCO TODOS OS DIAS, ATÉ À TERMINAÇÃO DO SISTEMA DE COISAS.”

MATEUS 12
17 Para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta Isaías, que diz:
18 Eis aqui o meu servo, que escolhi, O meu amado, em quem a minha alma se compraz; Porei sobre ele o meu espírito, E anunciará aos gentios o juízo.
MATEUS 12
17 PARA QUE SE CUMPRISSE O QUE FORA DITO POR INTERMÉDIO DE ISAÍAS, O PROFETA, QUE DISSE:
18 “EIS O MEU SERVO A QUEM TENHO ESCOLHIDO, MEU AMADO, A QUEM A MINHA ALMA TEM APROVADO! POREI SOBRE ELE O MEU ESPÍRITO E ELE ESCLARECERÁ ÀS NAÇÕES O QUE É JUSTIÇA.

MARCOS 1
8 Eu, em verdade, tenho-vos batizado com água; ele, porém, vos batizará com o Espírito Santo.
9 E aconteceu naqueles dias que Jesus, tendo ido de Nazaré da Galiléia, foi batizado por João, no Jordão.
10 E, logo que saiu da água, viu os céus abertos, e o Espírito, que como pomba descia sobre ele.
11 E ouviu-se uma voz dos céus, que dizia: Tu és o meu Filho amado em quem me comprazo.
MARCOS 1
8 EU VOS BATIZEI COM ÁGUA, MAS ELE VOS BATIZARÁ COM ESPÍRITO SANTO.”
9 NO DECORRER DAQUELES DIAS, VEIO JESUS DE NAZARÉ DA GALILÉIA E FOI BATIZADO POR JOÃO NO JORDÃO.
10 E, SUBINDO DA ÁGUA, VIU IMEDIATAMENTE OS CÉUS SEREM PARTIDOS E O ESPÍRITO DESCER COMO POMBA SOBRE ELE;
11 E UMA VOZ SAIU DOS CÉUS: “TU ÉS MEU FILHO, O AMADO; EU TE TENHO APROVADO.”

MARCOS 3
28 Na verdade vos digo que todos os pecados serão perdoados aos filhos dos homens, e toda a sorte de blasfêmias, com que blasfemarem;
29 Qualquer, porém, que blasfemar contra o Espírito Santo, nunca obterá perdão, mas será réu do eterno juízo.
MARCOS 3
28 DEVERAS, EU VOS DIGO QUE TODAS AS COISAS SERÃO PERDOADAS AOS FILHOS DOS HOMENS, NÃO IMPORTA QUE PECADOS E BLASFÊMIAS COMETAM BLASFEMAMENTE.
29 NO ENTANTO, QUEM BLASFEMAR CONTRA O ESPÍRITO SANTO, NUNCA TERÁ PERDÃO, MAS É CULPADO DE PECADO ETERNO.”

LUCAS 9
34 E, dizendo ele isto, veio uma nuvem que os cobriu com a sua sombra; e, entrando eles na nuvem, temeram.
35 E saiu da nuvem uma voz que dizia: Este é o meu amado Filho; a ele ouvi.
LUCAS 9
34 MAS, ENQUANTO DIZIA ESTAS COISAS, FORMOU-SE UMA NUVEM E COMEÇOU A ENCOBRI-LOS. AO ENTRAREM NA NUVEM, FICARAM TEMEROSOS.
35 E UMA VOZ SAIU DA NUVEM, DIZENDO: “ESTE É MEU FILHO, AQUELE QUE FOI ESCOLHIDO. ESCUTAI-O.”

LUCAS 11
13 Pois se vós, sendo maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais dará o Pai celestial o Espírito Santo àqueles que lho pedirem?
LUCAS 11
13 PORTANTO, SE VÓS, EMBORA INÍQUOS, SABEIS DAR BOAS DÁDIVAS A VOSSOS FILHOS, QUANTO MAIS O PAI, NO CÉU, DARÁ ESPÍRITO SANTO AOS QUE LHE PEDIREM!”
LUCAS 12
10 E a todo aquele que disser uma palavra contra o Filho do homem ser-lhe-á perdoada, mas ao que blasfemar contra o Espírito Santo não lhe PERDOADO...

http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080229043929AAFjDGY
_________

NOMES DO ESPÍRITO SANTO

O termo Espírito vem do hebraico “Ruah”, que significa sopro, ar, vento. Espírito e Santo são atributos divinos, e comum às três pessoas: Espírito Santo.

PARÁCLITO – Aquele que é chamado para perto de. É habitualmente traduzido por: Consolador, sendo Jesus o primeiro Consolador.

O próprio Senhor chama: Espírito da Verdade, Espírito da Promessa, Espírito de Cristo, Espírito do Senhor, Espírito de Deus e Espírito da Glória, em diversas citações bíblicas.

OS SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO

A ÁGUA - O símbolo da água é significativo da ação do Espírito Santo no Batismo. Após a invocação do Espírito Santo Ele se torna o sinal sacramental eficaz do novo Nascimento.

A UNÇÃO – A unção com óleo, também é significativo do Espírito Santo até o ponto de se tornar sinônimo dele (Jo. 2,20-27). É o sinal sacramental da confirmação.

O FOGO – O fogo significa a energia transformadora dos atos do Espírito Santo. O profeta Elias que “surgiu como fogo cuja palavra queimava como uma rocha” (Eclo.48,1), pela sua oração atrai fogo do céu sobre o sacrifício de Monte Carmelo (1Rs.18,1), figura do fogo do Espírito Santo que transforma o que toca.

A NUVEM E A LUZ – São símbolos inseparáveis nas manifestações do Espírito Santo, a nuvem ora escura, ora luminosa revela Deus Vivo e Salvador, escondendo a transcendência da sua Glória com Moisés no Monte Sinai durante a caminhada pelo deserto, e na tenda das Reuniões, que cobre a Virgem Maria com a sua sombra para que ela conceba Jesus, no Monte da Transfiguração e finalmente é essa nuvem que subtrai Jesus aos olhos dos discípulos no Dia da Ascensão (At.1,9).

O SELO – É um símbolo próximo ao da unção. É o Cristo que Deus marcou com o Seu Selo (Jo. 6,27). Por indicar o efeito indelével da unção do Espírito Santo nos sacramentos do Batismo, da Confirmação e da Ordem, a imagem do “SELO” tem sido utilizada em certas tradições teológicas para exprimir o “caráter” indelével impresso por estes três sacramentos que não podem ser reiterados.

A MÃO – É impondo as mãos que Jesus cura os doentes e abençoa as criancinhas. A Epístola dos Hebreus coloca a imposição das mãos entre os artigos fundamentais do ensinamento. É o sinal da efusão onipotente do Espírito Santo. A Igreja conservou nas suas epicleses sacramentais.

O DEDO – É pelo dedo de Deus que Jesus expulsa os demônios (Lc.11,20).

A POMBA – No fim do dilúvio, a pomba solta por Noé volta com um raminho de oliveira no bico, sinal que a terra de novo é habitável. Quando Cristo volta a subir da água do seu Batismo, o Espírito Santo desce e sobre Ele e permanece (Mt.3,16). O símbolo da pomba para traduzir o Espírito Santo é tradicional na iconografia cristã.

PENTECOSTES E A PAZ

Na solenidade de Pentecostes, a Igreja celebra o maravilhoso Dom do Espírito Santo.

No primeiro Dia de Pentecostes, Pedro cheio do Espírito Santo, explica os acontecimentos: “Deus ressuscitou Jesus...”(At.2, 32-33).

O Espírito no Plano da Salvação é dado a nós como o mais sublime dom do Pai e do Filho. É aquele que renova, que recria, santifica. É aquele que impulsiona a Igreja e distribui dons e carismas. É aquele que leva a Paz.

PAZ – Anseio do Universo - Entre as maravilhosas obras que o Espírito Santo realiza está a de trazer a Paz aos corações humanos e ao mundo inteiro.

Paz - é uma das palavras freqüente e cheia de sentido da Bíblia e do catolicismo.

Paz - Traz um dos anseios mais universais e mais profundos de todo o ser.

A humanidade anseia pela Paz, porém ela só pode ser construída com a graça de Deus. Ela é dom e conquista. É o Espírito Santo, dom de Deus quem nos dá e nos capacita para construí-la.

O Espírito Santo e a Paz até compartilham o mesmo símbolo: A Pomba, o que mostra que são inseparáveis.

A palavra Paz na Bíblia (Shalom) tem um significado muito profundo. Quer dizer plenitude de benção e graça. Jesus prometeu nos dar a Sua paz que não é como a paz do mundo (Jo.14,27). Esta é a Paz eu tendo Ele ressuscitado concede à Igreja e ao mundo, como o primeiro Dom da Ressurreição, juntamente como Espírito Santo, pois Ele disse aos discípulos: “A Paz esteja convosco!” e, em seguida, soprou sobre eles e disse: “Recebei o Espírito Santo”. Esta paz, não é um mero cumprimento, mas é uma PAZ eficaz, uma PAZ transformadora que vem do Espírito Santo e com o Espírito Santo.

OS DONS E FRUTOS DO ESPÍRITO SANTO

A vida moral dos cristãos é sustentada pelos dons do Espírito Santo que tornam o homem dócil para seguir os impulsos do mesmo Espírito.

Os sete Dons do Espírito Santo são: Sabedoria, inteligência, Conselho, Fortaleza, Ciência, Piedade e Temor de Deus. Eles completam e levam à perfeição as virtudes daqueles que os recebem.

O DOM DE DEUS – DEUS É AMOR (Jo.4,8-16) e o Amor é o primeiro dom. Nele, estão contidos os demais. Este AMOR, “Deus o derramou nos nossos corações pelo Espírito que nos foi dado” (Rm.5,5).

O Apóstolo Paulo nos diz: “Existem dons diferentes, mas, o Espírito é o mesmo”, diferentes serviços, mas, o Senhor é o mesmo”(Co 12,4).

O Espírito nos dá o Dom da Escuta, isto é, a capacidade de escutar a voz de Deus e a voz daqueles que ninguém escuta.

O Espírito nos comunica o Dom da Oração. É o dom que nos faz desejar ficar com Deus, responder-lhe, falar-lhe nossos problemas e as necessidades do nosso povo.

O Espírito nos dá o Dom do Anúncio, ajudando-nos a proclamar a todos, com as palavras e a vida, a Boa Nova que salva.

O Espírito nos dá o Dom da Fraternidade que é a disponibilidade de aceitar e promover a todos como irmãos e filhos do mesmo Pai.

Os Dons que recebemos do Espírito Santo em abundância devem ser usados para nossa santificação e para promover os irmãos que mais precisam. Em Mateus encontramos a Parábola dos Talentos que nos faz refletir sobre o bom uso dos Dons do Espírito Santo (Mt.25,14-15).

A partir do Dia de Pentecostes, o Reino anunciado por Cristo está aberto aos que crêem nele. Na humildade da carne e na fé, eles participam da comunhão da Santíssima Trindade. O Espírito Santo faz o mundo entrar nos últimos tempos, pois o tempo da Igreja, o Reino já recebido em herança, mas ainda não consumado: “Vimos a verdadeira Luz, recebemos o Espírito Celeste, encontramos a verdadeira fé: adoramos a trindade invisível, pois foi ela quem nos salvou” (Liturgia Bizantina).

Os Frutos do Espírito Santo são perfeições que o Espírito Santo modela em nós como primícias da glória eterna. A tradição da igreja enumera doze: “caridade, alegria, paz, paciência, generosidade, bondade, benignidade, mansidão, fidelidade, modéstia, continência e castidade”(Gl.5,22-23)

As VIRTUDES dispõem os cristãos a viverem em relação com a Santíssima Trindade. Têm Deus como origem, motivo e objetivo. É uma disposição habitual e firme de fazer o bem.

VIRTUDES CARDEAIS – a prudência, a justiça, a fortaleza e a temperança.

A Prudência nos faz discernir o bem e o mal.

A Justiça é a vontade constante de dar a Deus e ao próximo o que lhe é devido.

A Fortaleza dá segurança nas dificuldades, firmeza e constância na busca do bem.

A Temperança modera a atração dos prazeres sensíveis e procura o equilíbrio no uso dos bens criados.

VIRTUDES TEOLOGAIS – São: Fé, Esperança e Caridade vivificam todas as virtudes morais.

Pela FÉ, cremos em Deus e em tudo o que ele nos revelou.

Pela Esperança, ansiamos pela vida eterna.

Pela Caridade, amamos a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como Ele nos amou. Ela é o vínculo da perfeição (Cl.3,4).

A Graça do Espírito Santo nos dá a justiça de Deus. A Graça é o auxílio que Deus nos concede para responder a nossa vocação de nos tornar seus filhos adotivos.

A Graça Santificante é um Dom Gratuito. Deus infunde o Espírito Santo em nossa alma para curá-la do pecado e santificá-la. Ela nos faz agradáveis a Deus.

Através do Espírito Santo podemos merecer para nós, e para os outros, todas as graças úteis para receber a vida eterna e os bens temporais necessários.

O espírito Santo que Cristo, Cabeça, derrama nos seus membros, constrói, anima e santifica a Igreja. Na plenitude do tempo, o Espírito Santo realiza em Maria todas as preparações para a vinda de Cristo no Povo de Deus. E pela ação do Espírito Santo nela, o Pai dá ao mundo, o EMANUEL, DEUS CONOSCO (Mt1,23).

REFLEXÃO:

O Espírito Santo age de que forma em nossa vida?

Quais os dons que recebemos do Espírito Santo e que desfrutamos mais freqüentemente?

ORAÇÃO:

Espírito Santo, tu és a alma da minha alma!

Adoro-te, humildemente.

Ilumina-me, fortalece-me, guia-me e consola-me aos planos do eterno Pai.

Faze-me conhecer o que o Amor Eterno quer de mim.

Faze-me conhecer o que devo fazer.

Faze-me conhecer o que devo sofrer.

Quero que a minha vida seja um contínuo e perpétuo SIM aos desejos e à vontade do Pai Eterno. Amém.

Paróquia São Francisco Xavier- Niterói - 2003

“Círculo Felicidade” – Dirigentes: Abel e Lourdinha Passos

Padre Pedrol P. de Morais, JMJ

http://www.universocatolico.com.br/index.php?/pentecostes-a-paz-e-o-espirito-santo-em-nos.html
________________
ACRÓSTICO - ESPÍRITO SANTO, de  FERNANDA XEREZ
http://www.recantodasletras.com.br/acrosticos/2525748
_________________________

Seg, 03 de Março de 2008 15:58
   
 icon O Espírito Santo (66.73 KB)

“Quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo” (Jo 16:8)

Das três pessoas que compõem a Santíssima Trindade, o Espírito Santo é a mais misteriosa. Isto talvez possa ser explicado no fato de o Espírito Santo, em seu ministério, não revelar a si mesmo, mas a verdade, a Jesus e o poder de Deus (Jo 16:13,14). Ainda que se note mais evidente a sua atuação no Novo Testamento, ele está presente desde quando tudo começou (Gn 1:2; Gn 2:7). Seus nomes, os símbolos que o descrevem e suas obras, ressaltam sua personalidade que passamos agora a estudar.

Os Símbolos do Espírito Santo

As Escrituras revelam o Espírito Santo como uma pessoa: ele possui intelecto, sensibilidade e vontade (Jo 14:26; Ef 4:30; At 16:6); e também como Deus, nivelando-o com o Pai e o Filho, num contexto em que fica clara a sua igualdade (Mt 28:19; Lc 1:35).

Os símbolos mais usados para descrevê-lo são:

O Vento – Significa, em termos gerais, “o princípio animador da vida” e indica sua ação invisível, mas soberana (Jo 3 : 8);
O Fogo – Este símbolo ilustra a sua santidade. Ele é como fogo que jamais se apaga (Hb. 12:29), que ilumina, purifica e aquece (Zc 13:9);
A Água – É um elemento essencial à vida. Sacia a sede, limpa e refresca (a alma) (Jo 7: 38,39);
O Óleo – Fala de utilidade, beleza e renovação (Hb 1:9).
Os Nomes do Espírito Santo

Vamos destacar apenas dois nomes que são atribuídos ao Espírito Santo, e que falam de sua natureza e caráter. São eles:

Consolador – Do grego Parakletos, que significa “aquele que anda ao lado”, como um eterno companheiro (Jo 14:16-26). A palavra Consolador, a princípio, sugere passividade. Como alguém que aparece apenas em momentos maus para prestar socorro e trazer alento ao coração. Porém, o sentido é maior que este. O Espírito Santo é um companheiro inseparável, que sempre encoraja e exorta. Talvez a tradução mais correta seja advogado, que é alguém que luta pela justiça em defesa de outrem.
Espírito da Verdade – A verdade é um atributo de Deus. Sua palavra será sempre válida. Neste sentido, o Espírito Santo faz oposição a Satanás que é o pai da mentira, guiando o servo de Jesus no caminho que deve andar. O Espírito Santo é alguém em que se pode confiar cegamente, e depositar-se em suas mãos; alguém a quem se pode consultar como a uma fonte inesgotável de saber. O Espírito Santo é o único que pode mostrar o caminho ao pecador, o único que pode orientar e ensinar com autoridade.
A Obra do Espírito Santo

A obra do Espírito Santo se evidencia tanto no Antigo Testamento, como no Novo Testamento sob diversos aspectos. Vamos citar aqui apenas três:

Na criação – A compreensão da presença da Santíssima Trindade na criação do mundo é de vital importância para o cristianismo. Em Gn 1:1, a palavra DEUS, no original hebraico, está no plural Elohim (deuses). Embora não possamos identificar nesta passagem cada pessoa, membro da Trindade, podemos contemplar este fato transportando o conhecimento que a Bíblia nos fornece. O PAI é o planejador cuja vontade foi manifestada (Ap 4:11) pela palavra, que é o FILHO (Jo 1:1), sendo o ESPÍRITO SANTO o executor (Jó 33:4; Sl 33:6).
Na vida dos servos de Deus – Deus falou através de profetas, pelo Espírito Santo, anunciando a vinda do Messias e operando maravilhas (I Rs 17:1; Is 9:6,7; Is 63:11); inspirou reis, guerreiros e artistas (Ex 31:1-6; Dt 34:9; Jz 13:5; I Sm 16:13). No Novo Testamento, o Espírito Santo revela a vontade de Deus (I Co 2:10); ensina e dá compreensão da verdade (Jo 16:13); auxilia nas orações e comunhão com o Pai (Rm 8:26), sendo ele próprio, o fogo que queima o incenso (Ap 8:3,4); capacita para a obra de Deus, concedendo subsídios imprescindíveis como santificação (Rm. 8:13,14), crescimento espiritual (Cl 1:10), poder (At 8:5-7; II Co 4:6,7; I Co. 12:7-11) e ministérios (Ef 4:11,12). A diferença básica entre o Antigo Testamento e o Novo Testamento, é que neste o Espírito Santo opera em todos os membros da Igreja promovendo a unidade, e não em uns poucos escolhidos.
Na vida do pecador comum – O Espírito Santo é o agente que promove o contato entre o homem e o Deus criador, através do redentor Jesus Cristo (Jo 6:44). No Antigo Testamento a base desse contato era a Lei e os Profetas; no Novo Testamento, a pessoa de Jesus Cristo (Rm 3:21-24). Caso aceite o convite da graça, o pecador é convencido de seu pecado e conduzido ao arrependimento (Ap 3:20). Através do Espírito Santo o mundo é convencido do pecado, da justiça e do juízo (Jo 16:8).
* O Espírito Santo convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo (Jo 16.8).

{mospagebreak title=Parte II}

Convicção do pecado - Esta é uma obra exclusiva do Espírito Santo. O homem natural se julga conhecedor de seus caminhos e os considera retos Pv 14:12; Pv 16:12. Ai daquele que resiste á voz e ao apelo do Espírito Santo e endurece seu coração, pois chegará o dia em que Ele não mais falará (Hb 3:7-9).

Convicção da Justiça - À medida que o Espírito Santo age no pecador este vai cedendo e aos poucos vai deixando de se defender por sua própria justiça.

Convicção do Juízo - O Espírito Santo nos avisa de que o fim está próximo e que quando Jesus voltar haverá um julgamento para os que forem maus.

Na vida da igreja
Representa Cristo (Jo 14:16,26)
Guia os cristãos em adoração (Ef 2:18)
Inspira as orações (Rm 8:26-27)
Unge a palavra da pregação (I Ts 1:5)
Dirige as atividades da igreja (At 13:02; At 16:6,7)
Constitui ministérios (At 20:28)
Distribui dons aos membros (I Co 12:14)
Guia os cristãos na verdade (Jo 16:13)
Santifica a igreja (I Co 3:17)
O pecado contra o Espírito Santo

Mt 12: 32 e Mc 3:29, nos dão conta da existência de um pecado imperdoável, a blasfêmia contra o Espírito Santo.

Blasfemar é praticar um ato afrontoso mediante o qual a honra de Deus é insultada.

Os fariseus rejeitaram deliberadamente e persistentemente ao apelo do Espírito Santo à chamada para a salvação em Cristo. Eles não quiseram admitir, apesar dos inúmeros sinais demonstrados por Jesus Cristo, mesmo sendo ele de fato o Filho de Deus.

Suas atitudes não-responsivas os conduziram a um estado de insensibilidade tamanha que eles começaram a confundir as questões mais simples da religião, trocando o bem pelo mal. Não é possível o arrependimento em vista dessa atitude mental. O coração endurecido contra a fonte de arrependimento, de nenhum modo alcançará o perdão.

Uma nota pastoral escrita por Herbet diz o seguinte: “As pessoas que estão em angústia de alma temendo terem cometido o pecado contra o Espírito Santo, na maioria dos casos deveriam ser informada que essa angústia é prova de que não cometeram tal pecado”.

Conclusão

O Espírito Santo é Deus presente neste século, apontando o caminho ao pecador, orientando a Igreja, manifestando o poder do criador, a graça redentora e a vontade misericordiosa de Deus.

Flávio Muniz, pastor
http://www.portalnovavida.org.br/edificando/estudos-biblicos/2371-o-espirito-santo.html
____________
http://oracoescatolicas.blogspot.com.br/2006/05/espirito-santo.html
Enviado por J B Pereira em 10/08/2013
Código do texto: T4427991
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
J B Pereira
Piracicaba - São Paulo - Brasil
2826 textos (1569582 leituras)
35 e-livros (529 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/04/21 16:46)
J B Pereira