Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Olhos de Poeta

                Numa dedicação quase desmedida
                Toda beleza por muitos não vista
                 Faz-se real diante de um poetar.

              E tudo transparece ansiosa inspiração
              Um lugar, objetos, pessoas e canção
           Tornando o simples o mais belo que existe.

                E o poeta inerte, flutua a pensar.

              Seu olhar traz brilho onde luz não há.
Patrícia Ximenes
Enviado por Patrícia Ximenes em 28/04/2010
Código do texto: T2225509
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Patrícia Ximenes
Itaboraí - Rio de Janeiro - Brasil
272 textos (9779 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/19 23:34)
Patrícia Ximenes