Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Homenagem à "Gente da Nossa Terra | 2018" em coletânea e pesquisa de professor: profpereira.joaobosco@gmail.com --- e à Banda "DEUS - The Fever" (1964)

Recebemos um e-mail do Frederico Mesquita,
assessor de comunicação em São João Del Rei,
sobre as comemorações do aniversário da cidade
e uma das atividades nos chamou a atenção logo pelo título:

"Gente da nossa terra - O Patrimônio Vivo de São João del-Rei".

http://noticiasforadoar.blogspot.com/2008/12/o-patrimnio-vivo-de-so-joo-del-rei.html



Em comemoração ao aniversário de São João del-Rei, a Capital Brasileira da Cultura Para Sempre
e a Secretaria de Cultura e Turismo
irão prestar uma grande homenagem aos moradores da cidade,
com o lançamento da

Agenda e Calendário 2009,
que acontecerá no dia 12 de dezembro, às 19h, no Teatro Municipal.

 Com o título "Gente da nossa terra - O Patrimônio Vivo de São João del-Rei", será inaugurada uma Exposição, à céu aberto, nas ruas do centro histórico, que beiram o Córrego do Lenheiros

(AV. Hermílio Alves, Rua Eduardo Magalhães, Manoel Anselmo e Largo Tamandaré).

http://noticiasforadoar.blogspot.com/2008/12/o-patrimnio-vivo-de-so-joo-del-rei.html

Este trabalho conta com a participação de 11 fotógrafos, sendo
que cada um registrou três personalidades que representam
o povo são-joanense.

São eles:
Nathanael Andrade, Marcinho Lima, Juninho Viegas, Beni Jr., Antonio Celso Toko, Kiko Neto, Jacó, Cláudio Lopes, Miltinho, Paulo, Kátia Lombardi e Almir Nascimento

As pessoas fotografadas são 36:
Claudionor do Kibon, Nivaldo Neves, Juca Alfaiate, Dona Anita Valim, Zulei Bassi, Bauer, Dona Maria do Bolinho de feijão, Toninho Ávila, Paulo Pipoqueiro, Zé do Cercadinho, Roberto Rei Momo, Tchá tchá, Geraldo Patusca, Nilson Sineiro, Eduardo Lombelo, Seu Expedito do Amendoin, Frei José, Wagner da Ribeiro Bastos, Seu Quati, Geraldinho da Rádio, Ulisses Passarelli, Italianas do Mercado, Tonica das Amendoas,

Pe. Paiva, Irmã Gema,

Artesã Alcidina , Professor Abgar, José de Arimatéia, Flávio Sarcófago, Dona Rita da Colônia do Felizardo, Roberto Soldador da Prefeitura, Edna do Pirulito, Pedro Pasteleiro, Osni Paiva, Benito Mussolini e Lilinho.

Ficamos felizes em ver homenageadas pessoas que realmente fazem a história de São João Del Rei.

Com algumas delas, nós já tivemos a felicidade de gravar
matérias e mostrar o trabalho que realizam pela cidade.

Em uma das matérias, em março de 2006, nós gravamos
 a Antônia Silva ou como todos a conhecem:

Tonica das amêndoas.
Ela morava em uma casa simples e já na sala encontramos dois tachos de cobre onde ela prepara os doces.
O açúcar era derretido e ela mexia com as mãos os amendoins e o coco para eles aderirem à calda.
O calor que vinha dos tachos era insuportável e a única proteção que a Tonica usava para não se queimar eram dedais de costura.

Depois, ela embalava os amendoins em cartuchos de papel pintados artesanalmente para vendê-los mais tarde na frente da igreja matriz.
O cartuchos maiores e mais bonitos seriam distribuídos aos participantes da cerimônia de Lava-pés.

Na matéria sobre a linguagem dos sinos de São João Del Rei, tivemos que ir atrás de outro homenageado, Seu Newton Sineiro, o sineiro mais velho de São João Del Rei.
Na época, em novembro de 2005, encontramos Seu Newton tocando em uma banda de música.
Aos 81 anos, ele era a 4a geração de uma família de sineiros e tocou sinos por quase 70 anos.
Aposentado, nos contou sobre as disputas dos sineiros na quaresma.
Não tivemos coragem de deixá-lo subir na torre da igreja, as pernas não ajudam mais.

Mas, a gente via que a vontade dele era subir e fazer o sino repicar.
Chorando, ele falava da saudade do tempo de sineiro.

Agora, toda vez que olhamos ou ouvimos os sinos em São João Del Rei, lembramos do Seu Newton e do amor dele pelos sinos com nome de santos.
http://noticiasforadoar.blogspot.com/2008/12/o-patrimnio-vivo-de-so-joo-del-rei.html

_____

VIDA E FÉ EM PADRE PAIVA
CALENDÁRIO 2009

http://noticiasforadoar.blogspot.com/2008/12/o-patrimnio-vivo-de-so-joo-del-rei.html

Não daria para descrever um a um os homenageados, mas além da Túnica e do Seu Newton, que nos emocionaram quando gravamos com eles, uma outra pessoa merece muito mais que essa homenagem, é o Monsenhor Sebastião Raimundo de Paiva ou, o Padre Paiva.

Nesses vários anos em que cobrimos a Semana Santa em São João Del Rei, não conseguimos deixar de prestar atenção ao Monsenhor Sebastião Paiva.
Ele já fez 80 anos e há 40 é um dos organizadores da Semana Santa na cidade histórica.
Mas, ele sobe e desce aquelas ladeiras, indo de uma igreja a outra, como se fosse um garotinho de 10 anos.
Ele se preocupa com cada detalhe e os eventos que organiza ficam sempre lotados.

Até pra gente tirar uma foto nossa é difícil, não tem espaço.
Nesse ano, eram mais de 50 mil pessoas no grande largo entre a basílica de Nossa Senhora do Pilar e a Igreja das Mercês.
Todas querendo acompanhar cada detalhe da cerimônia de Descendimento da Cruz.

Na última entrevista que gravamos com  ele, Padre Paiva disse que é sempre uma emoção muito grande tirar a imagem de Cristo da Cruz, durante a cerimônia que lembra a crucificação.

Só ficamos tristes quando o Padre disse que este poderia ser o último ano de participação dele, já que está bem idoso.

Vida longa ao Monsenhor Paiva!

_______

Parabéns a quem teve a ideia das homenagens e espero que a gente faça matérias com os homenageados.
As comemorações do aniversário de São João Del Rei começam no dia 08 de dezembro às seis da manhã, com Alvorada Festiva na Igreja de São Francisco, e vão até o dia 16, com a inauguração da iluminação de Natal.

A agenda completa no site www.cultura.saojoaodelrei.mg.gov.br .

Postado por Michele Pacheco e Robson Rocha às 17:55

Marcadores: 409 - O PATRIMÔNIO VIVO DE SÃO JOÃO DEL REI

http://noticiasforadoar.blogspot.com/2008/12/o-patrimnio-vivo-de-so-joo-del-rei.html
______________

OUTRO SITE

2007 - CAPITAL CULTURAL

"O projeto Capital Brasileira da Cultura é uma iniciativa da Organização Capital Brasileira da Cultura, que conta com o apoio do Ministério da Cultura, do Ministério do Turismo, da Unesco, além de diversas entidades nacionais e internacionais."

https://www.tribunapr.com.br/mais-pop/sao-joao-del-rei-e-a-capital-brasileira-da-cultura-2007/

________________

coletânea e pesquisa de professor:
profpereira.joaobosco@gmail.com

Por gentileza,
MEUS AMIGOS E MINHAS AMIGAS
MEUS IRMÃOS E MINHAS IRMÃS
EM NOME DE JESUS
DE MARIA
DE SÃO JOSÉ
DE SEU ANJO DE GUARDA
E DE SEU SANTO ONOMÁSTICO
E SUA SANTA ONOMÁSTICA


J B PEREIRA

veja as música:

 The Fevers

DEUS - The Fevers
https://pt.wikipedia.org/wiki/The_Fevers

"The Fevers é uma banda brasileira de rock e pop formada no Rio de Janeiro em 1964[1] e associada a Jovem Guarda.

Fez muito sucesso na segunda metade da década de 1960
e início da década de 1970,
vindo se consagrar nos anos 1980
com as aberturas das novelas
(Elas por Elas e Guerra dos Sexos, da Rede Globo).

O grupo continua em plena atividade até os dias de hoje."

(banda que nasceu em 1694
 em São João del- Rei, MG),
deslocaram para Belo Horizonte e lançada no Rio
e São Paulo, atualmente.
E no mundo todo - sua música toda em todos os idiomas.

NO AR
AGORA
OUÇA
ORE
MEDITE

PENSE EM QUEM MAI AMA
ORE POR QUEM MENO AMA
PERDOE SEMPRE
ISSO FAZ A DIFERENÇA

MAIOR É O DEUS QUE HÁ EM MIM DO QUE
 TUDO QUE HÁ NO MUNDO
SÃO JOÃO 4, 4.


THE FEVERS.
https://www.youtube.com/watch?v=XX_YUtwfuPA&list=RDXX_YUtwfuPA&index=24

The Fevers - Ninguém vive sem amor / Deus
https://www.youtube.com/watch?v=IM28Y3LuePE&list=RDXX_YUtwfuPA&index=15

Mar de rosas. The Fevers
https://www.youtube.com/watch?v=djv8S9QMb_A&list=RDXX_YUtwfuPA&index=4

Discografia
1965 - The Fevers
1966 - A Juventude Manda vol. I
1967 - A Juventude Manda vol. II
1968 - The Fevers vol. III
1969 - O Máximo em Festa
1969 - Os Reis do Baile

1970 - The Fevers
1971 - The Fevers
1971 - A explosão musical dos Fevers
1972 - The Fevers
1973 - The Fevers
1974 - The Fevers
1975 - O Sol Nasce Para Todos
1975 - Nadie Vive Sin Amor (Disco Promocional)
1976 - The Fevers
1977 - The Fevers
1978 - The Fevers (Disco Promocional Espanhol)
1978 - The Fevers
1979 - The Fevers Disco Club

1980 - The Fevers Disco Club (Espanhol)
1980 - Fevers 80
1981 - The Fevers
1982 - Fevers 82
1983 - Fevers
1983 - A Maior Festa do Mundo
1984 - Fevers 84
1985 - Fevers
1986 - Fevers
1987 - Fevers
1988 - Fevers
1989 - Fevers

1991 - Fevers
1992 - Fevers - Agora é Pra Valer
1995 - Fevers - A Gente era Feliz e Não Sabia
1996 - Fevers - Só Quero ser Feliz
1998 - Fevers 98 - Vem Dançar
1999 - Fevers Ao Vivo

2004 - The Fevers
2005 - The Fevers - Um história de sucessos
2006 - The Fevers Ao Vivo - CD e DVD

2011 - The Fevers - Vem dançar

2012 - «Entrevista Especial: The Fevers». MVHP.
Consultado em 30 de novembro de 2012.


Referências

 1 «Cliquemusic : Artista : Fevers, The». CliqueMusic.
Consultado em 30 de novembro de 2012.

2  «Entrevista Especial: The Fevers». MVHP.
Consultado em 30 de novembro de 2012.


https://pt.wikipedia.org/wiki/The_Fevers

__________

O mais importante é o verdadeiro amor- Marcio Greyck
https://www.youtube.com/watch?v=B5Hb27DwJ98&list=RDXX_YUtwfuPA

________________

Published on Dec 13,
2018

“A trama da vida se tece de infinitos fios e infinitas vozes, presentes
e passadas.
Muitas vezes, sem percebermos, estamos retomando ideias que circularam antes de nós, estamos trilhando caminhos abertos
 por tantos outros.
Conhecer quem foram e o que fizeram aqueles que já não estão entre nós é preservar a herança que deixaram, os ideais que plantaram e, sobretudo, o exemplo que nos legaram. Mas é importante também
saber quem são e o que fazem os que estão hoje, ao nosso lado, vivendo o mesmo tempo.
A correria da vida frequentemente nos impede de erguer a cabeça e olhar em volta. Por isso, um livro como este tem uma preciosa função – registrar algumas pessoas que estão ajudando a construir o mundo
em que vivemos.
Deixar marcado o lugar que cada uma ocupa e o trabalho que vem fazendo.
O tempo arrasta tudo, isso é inevitável. Por isso, preservar a memória
é lançar uma rede para o futuro, é não deixar morrer a chama da vida para passá-la às mãos dos que virão.”

                                               Douglas Tufano,
[um dos melhores]  professor e escritor
[doutor em gramático e linguístico dos tempos de hoje]
sobre o Gente
https://issuu.com/urbembooks/docs/gentedanossaterra2018

____________

Livro Cura das Emoções em Cristo
Código do produto: 01.00614 Padre Alberto Luiz Gambarini  (Avalie este produto)
Cura das emoções em Cristo é um livro repleto de orientações práticas de como aprender a renovar a mente e a lidar com os sentimentos de rejeição, a falta de perdão, depressão, medo, ansiedade, solidão...

https://loja.cancaonova.com/livro-cura-das-emocoes-em-cristo
__________________

Livro: A Luta contra a depressão

https://blog.cancaonova.com/felipeaquino/2008/05/15/livro-a-luta-contra-a-depressao/

Diga para sua depressão: “Eu não morrerei nesta depressão, porque sou filho de Deus – e filho de Deus não pode morrer no buraco!”

https://blog.cancaonova.com/felipeaquino/2014/02/27/depressao-tem-cura/

https://www.youtube.com/watch?v=GKBwMZGtCaM&list=RDXX_YUtwfuPA&index=27

__________________

ORAÇÃO DE UM JOVEM TRISTE - ANTÔNIO MARCOS

https://www.youtube.com/watch?v=NbPh0-WjTT8&list=RDXX_YUtwfuPA&index=28

coletânea e pesquisa de professor: profpereira.joaobosco@gmail.com & https://issuu.com/urbembooks/docs/gentedanossaterra2018
Enviado por J B Pereira em 28/04/2019
Reeditado em 28/04/2019
Código do texto: T6634613
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
J B Pereira
Piracicaba - São Paulo - Brasil
2333 textos (1322950 leituras)
14 e-livros (98 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/01/20 05:22)
J B Pereira