Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VOCABULÁRIO DE AGUINHAS
Ilustração: Tampa estilizada da água mineral de Águas Virtuosas de Lambari, que ilustrou a série HISTÓRIAS DE AGUINHAS, deste autor
SUMÁRIO
 
     - Apresentação
     - Fotos
     - Vocabulário de Aguinhas - Letra "A"
     - Mais Vocabulário de Aguinhas
     - Referência
     - Menino-Serelepe

APRESENTAÇÃO
 

Também nos divertíamos muito, lembrando ditos, expressões e
trovas populares, além de colecionar palavras em desuso na
língua, catadas tanto aos clássicos como aos matutos do
Sul de Minas Gerais.

(Do livro inédito: Pai Véio, um contador de histórias, de Antônio Lobo Guimarães)
 
Pelo que respeita à linguagem, tanto culta, como familiar ou popular, é lá [em Minas Gerais] que me
parece estar a feição primitiva.

(Gladstone C. de Melo, linguista e professor, de Campanha, MG, no livro A língua do Brasil)
 
 
?id=894594&maxw=570&maxh=1200&bgcolor=transparent&vignette=1&opacity=90José Batista Guimarães, meu avô paterno, que os netos tratavámos carinhosamente por Pai Véio, inspirou este autor a escrever as Histórias de Aguinhas, série da qual 3 livros foram publicados:
 
- Menino-Serelepe
- Abigail [Mediunidade e redenção]
- Os Curadores do Senhor


Aguinhas é o nome fictício de Águas Virtuosas de Lambari, nome inventado por meu avô, onde se passam essa série de narrativas sobre a memória familiar e de minha cidade natal.

O livro Menino-Serelepe foi narrado em primeira pessoa e fazendo uso de um vocabulário que evocava minha infância e o modo de falar dos meus familiares e do "povo de Aguinhas". Disso resultou um repertório de cerca de 500 palavras a que chamei de Vocabulário de Aguinhas, que foi publicado em apêndice ao livro citado.

Pois bem, esse vocabulário é a fonte desta Série Vocabulário de Aguinhas.

Vamos lá.

 
FOTOS

VOCABULÁRIO DE AGUINHAS - LETRA "A"

À la Sion: À moda do Sion. Letra à moda do Sion: maneira elegante e caprichada de escrever ensinada às alunas dos colégios Sion.
A leite de pato(a): Jogar de brincadeira, sem valer nada.
À riviria: Corruptela de à revelia, com o sentido de grande quantidade, fartura, exagero,descontrole.
Às encobertas: Às escondidas.
Afinar: Desistir da briga, pedir penico. Não disputar bola dividida por medo de contusão.
Abusão: Superstição.
Afissurado: Ansioso, sôfrego, ávido. Apressado.
Às gatas: A todo custo [à gata].
Abatumado:  Entristecido, preocupado, tristonho.
Açangalha: letra ruim, mal traçada.
Acanhoso:  Envergonhado.
Acometer: Saltar. Adiantar-se impetuosamente. Lançar-se, abalançar-se, aventurar-se.
Água-de-batata: Café ralo, água-choca.
Água de barrela: Água em que se ferve cinza que é usada para branquear roupa.
Água-doce: Qualquer um; mal conhecedor das coisas.
Alcaide:  Prefeito. Diz-se, também, de objeto velho, feio, fora de moda, desusado, imprestável. Ou de resto de mercadoria que não tem venda, encalhe.
Afincado: Pertinaz, teimoso, aferrado
Afundar chão: Caminhada a cavalo.
Amarrar (a caça): Estacada que o cão de caça dá quando avista uma presa, permanecendo imóvel até a chegada do caçador.
Andar de bonde: Andar de braços dados. [Gíria ocorrente em Aguinhas.]
Andar de latinha: Caminhar sobre latinhas (geralmente de massa de tomate), nas quais se fez um furo e se passou um barbante para encaixar o dedão do pé e controlar os passos.
Andejo: Que não para em casa, que anda de uma parte a outra.
Angulê: Polenta mole com carne moída e molho de tomate.
Aranzel: Arenga, lengalenga, discurso demorado e chato.
Arapuca: Casa velha, esburacada, caindo aos pedaços.
Arnela: toco de dente colado à gengiva.
Arreganho: Ameaça, intimidação.
Arrego: Ato de render-se, entregar-se. Ajuda: Sofreu, e não pediu arrego.
Arrimar: Encostar, apoiar, escorar.
Arrochado: Apertado, em dificuldade por falta de dinheiro.
Atacado dos ventos: Pessoa que tem problema de gases.
Atochado: Completamente cheio.
Atopetado: Muito cheio, abarrotado.
Aturar: Durar, resistir.
Azulego: Cavalo de pelo escuro, com pintas miudinhas, brancas e pretas.
 
Mais Vocabulário de Aguinhas
- Confira a série VOCABULÁRIO DE AGUINHAS disponível no meu site pessoal:
https://guimaguinhas.prosaeverso.net/blog.php?idb=36347
Referências
Fontes de consultas principais:

- Pequeno Dicionário da Língua Portuguesa, Aurélio Buarque de Holanda 
- Aurélio Eletrônico, Século XXI
- Dicionário de Vocábulos Brasileiros, Beaurepaire-Roban
- O Dialeto Caipira, Amadeu Amaral
- Dicionário Sertanejo, Cornélio Pires
- Dicionário da Terra e da Gente de Minas, Waldemar de Almeida Barbosa
- Novo Dicionário da Gíria Brasileira, Manuel Viotti.

 
Menino-Serelepe

 Este Vocabulário de Aguinhas faz parte do livro Menino-Serelepe - Um antigo menino levado contando vantagem, de Antônio Lobo Guimarães, pseudônimo com que Antônio Carlos Guimarães (Guima, de Aguinhas) assina a coletânea Histórias de Aguinhas.
 
ACGuima
Enviado por ACGuima em 02/12/2020
Reeditado em 03/12/2020
Código do texto: T7125758
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
ACGuima
Lambari - Minas Gerais - Brasil
37 textos (972 leituras)
7 e-livros (3695 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/05/21 00:44)
ACGuima

Site do Escritor