Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FESTA DO "INFERIOR"

ADENDO AO POEMA - Esta obra foi "psicografada", me ditada (?!) pelos jornalistas d'0 PASQUIM (1969/73) que "já partiram desta para a melhor". Sendo assim, a quem desagradar sugiro se queixar "à Gerência"... principalmente por não ter um autor apenas ! (NATOAZEVEDO, em 18/nov. 2018)

    FESTA DO "INFERIOR"
      (mote / glosa)
No "Reino de Pindor(l)ama"
já tem novo mandatário...
será preso quem reclama,
vai se danar o operário !

      I
Na posse, foi revistada
toda gente de colete;
das damas se abre o corpete,
senhoras ficam "peladas"...
pra evitar faca afiada !
-- "Se "der bronca" alguém me chama...
"tiro um cochilo" na cama
pois presidir me dá sono.
O meu filho assume o trono
no reino de Pindor(l)ama"!

    I I
Co'o país todo em bonança
mandou fechar os quartéis,
transformá-los em motéis,
em "fábricas" de criança,
renovando a esperança.
-- "Se eu matar os ordinários,
dizimar os salafrários,
Brasil vira paraíso !
O país -- eis meu aviso --
já tem novo mandatário"!

    I I I
-- "Pra Ministro da Cultura
preciso de alguém bem forte:
o "Alex" Frota tem o porte,
é o perfil da conjuntura.
Pra Saúde -- Pasta dura ! --
sem solução nem diagrama,
doutor de Cuba, programa,
eu indico o "Minotouro"...
esse, sim, vai dar no couro"!
Será preso quem reclama" !

    I V
O "traste" das firmas X
vem Ministro do Trabalho
pois viveu "de quebra-galho"
pelo tempo que bem quiz.
Não "se safou" por um triz
esse inútil perdulário !
Vai "ministrar" por salário, (*1)
rasgar a CLT, (*2)
dar menos que a Lei prevê...
vai se danar o operário !
    "NATO" AZEVEDO
    (em 18/nov. 2018)
OBS: (*1) "MINISTRAR" - atuar
como Ministro, fingir trabalhar
por um salário absurdo, "apesar
de MÍNIMO", se comparado ao
de deputados e senadores, "tão
abnegados"
(*2) CLT - Consolidação das Leis
Trabalhistas, normas oficiais.
NATO AZEVEDO
Enviado por NATO AZEVEDO em 19/11/2018
Código do texto: T6506601
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
NATO AZEVEDO
Ananindeua - Pará - Brasil, 68 anos
990 textos (18791 leituras)
2 e-livros (1 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 20:36)
NATO AZEVEDO