Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NA "FILA" DO INSS

NA "FILA" DO INSS
      (mote / glosa)
Só pra não ouvir intriga
nada peço, passo fome...
reclamam verme e lombriga:
-- "Isso não é papel de homem"!

     I
A Vida não dá descanso
para quem nasceu sem sorte...
vou penar até a morte,
só de fraqueza balanço.
Se me chamam "corno manso"
a gente passa e nem liga,
evita começar briga
"pruquê num téin risistença
néin pra rispondê ofensa"...
só pra não ouvir intriga !

    I I
Vibro quando acho "comida"
nos "lixões", casas e bares
e se -- pra aumentar pesares --
não pode ser consumida,
ao cão e gato é servida.
Animal tudo consome,
em pouco tempo ela "some" !
E eu fico "chupando o dedo",
vou dormir com "ar azedo"...
nada peço, passo fome !

    I I I
Um fim de vida assim
me é por demais castigo !
Governos não dão abrigo
a um povo tão chinfrim.
Aos políticos, enfim,
o Brasil sustenta, liga...
pouco importa o que se diga !
-- "Estamos com muita fome,
vê se alguma "merda" comes" !,
reclamam verme e lombriga.

    I V
Tento ser aposentado
mas, nas mãos do INSS,
nem com novenas ou prece
pode isso ser apressado.
Vou esperar um bocado...
a velhice me consome,
minha paciência some,
cobra o Tempo a sua parte !
Falta pouco pr'um enfarte...
isso não é papel de homem !
    "NATO" AZEVEDO
    (em 29/set. 2018)
OBS: tendo ido ao CRAS em
4/junho pp., meu agendamento
foi marcado (?!) para 17/outubro
próximo. Depois disso, serão 4
ou 5 MESES para a "análise" pelo
INSS das declarações, tendo eu
contribuído OBRIGADO por mais
de 9 ANOS.. e correndo o risco de
êle não aprovar meu nome para a
aposentadoria. Tenho DIREITO
adquirido, paguei por ela, ao con-
trário de tantos por aí !
NATO AZEVEDO
Enviado por NATO AZEVEDO em 29/09/2018
Código do texto: T6463107
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
NATO AZEVEDO
Ananindeua - Pará - Brasil, 67 anos
901 textos (14891 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/19 15:14)
NATO AZEVEDO